Concurso PGE-TO 2018: Inscrições abertas para Procurador

Concurso PGE-TO

Edital aberto da Procuradoria Geral do Estado do Tocantins (Concurso PGE-TO). São ao todo 40 vagas para a carreira de Procurador.

Divulgado edital pela Fundação Carlos Chagas para o Concurso PGE-TO 2018 (Procuradoria Geral do Estado do Tocantins) . O certame conta com um total de 40 vagas, sendo elas 20 de preenchimento imediato e as outras 20 vagas para formação de cadastro reserva. Para os candidatos interessados em prestar o concurso, uma das exigencias é possui nível superior em Direito e estar inscrito na Ordem dos Advogados do Brasil.

Os candidatos terão que realizar as incrições diretamente pelo site da banca organizadora, FCC, através do link www.concursosfcc.com.br/concursos/pgeto117.
O valor da taxa de inscrição é de R$250,00.

A prova esta prevista para ocorrer no dia 04 de março de 2018 e os candidatos terão que enfrentar três fases. A primeira fase é composta pela prova objetiva, onde os candidatos irão enfrentar 100 questões das matérias de:

Direito Constitucional
Direito Administrativo
Direito Civil
Direito Processual Civil
Direito Penal
Direito Processual Penal
Direito Financeiro e Tributário
Direito do Trabalho
Direito Processual do Trabalho
Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos

Já a segunda fase será composta por uma prova dissertativa contendo uma Peça processual e questões dissertativas. A última fase será inerente a prova de títulos.

Para os candidatos que forem aprovados no concurso, é necessário alguns requisitos para posse. Confira abaixo

O ingresso na carreira de Procurador do Estado do Tocantins é privativo de advogado com inscrição definitiva na Ordem dos Advogados
do Brasil.
A prova da inscrição como Advogado na Ordem dos Advogados do Brasil deverá ser feita no ato da posse.
Os Procuradores do Estado nomeados serão empossados pelo Procurador-Geral do Estado, em sessão solene do Colégio de Procuradores
da Procuradoria-Geral do Estado, mediante assinatura do Termo de Compromisso.
PROCURADORIA GERAL DO ESTADO DO TOCANTINS 11
É de 30 (trinta dias), contados da publicação do ato de nomeação no Diário Oficial do Estado (https://www.diariooficial.to.gov.br), o
prazo para a posse do Procurador do Estado.
O prazo de que trata o subitem anterior poderá ser prorrogado por igual período, de ofício, a critério do Procurador-Geral, ou mediante
requerimento escrito do interessado.
O Procurador do Estado empossado deverá entrar em exercício no prazo de 15 dias, a contar da data da posse, sob pena de decadência,
tornando-se insubsistente o ato de provimento.
O Procurador-Geral, se exigir o interesse do serviço público, poderá determinar que o Procurador do Estado entre em exercício
imediatamente após a posse.

O concurso terá validade de 2 anos e poderá ser prorrogado por mais dois de acordo com a necessidade do órgão.

Para maiores informações acerca do requisito da posse dentre outras, confira o edital Concurso PGE-TO

Resumo do Concurso PGE-TO

    • Concurso: Procuradoria Geral do Estado do Tocantins (Concurso PGE-TO)
    • Situação: Edital Aberto
    • Cargos: Procurador
    • Escolaridade: Nível Superior em Direito
    • Remuneração: Até R$ 26.125,17
    • Número de vagas: 40 vagas
    • Banca organizadora: FCC (Fundação Carlos Chagas)