Concurso PM/ES e Bombeiros/ES 2018: Oferta 417 vagas

Concurso PM e Bombeiros - ES

Concurso PM/ES e Bombeiros/ES 2018 abre inscrições no dia 25 de junho para seleção que oferta 417 vagas com salário de até R$ 5.823,07

Português

Foi divulgado os editais para os concursos públicos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros do estado do Espírito Santo. A oferta é de 417 vagas, sendo 290 na Polícia Militar e 127 no Corpo de Bombeiros, nas funções de Soldados e Oficiais. O Instituto AOCP será o responsável pela seleção.

Cargos – Polícia Militar/ES ↓

• Soldado Combatente (250 vagas): Nível médio completo e altura mínima de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres. Salário inicial de R$ 1.220,30, após a incorporação será de R$ 2.778,43.

• Soldado Músico (10 vagas): Nível médio completo e altura mínima de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres. Salário inicial de R$ 1.220,30, após a incorporação será de R$ 2.778,43.

• Oficiais Combatentes (30 vagas): Nível médio completo e altura mínima de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres. Salário inicial de R$ 2.584,16, podendo ser a R$ 5.823,07.

Cargos – Corpo de Bombeiros/ES ↓

• Soldados (120 vagas): Nível médio completo e altura mínima de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres. Salário inicial de R$ 1.220,30, após a incorporação será de R$ 2.778,43.

• Oficial Combatente (7 vagas): Nível médio completo e altura mínima de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres. Salário inicial de R$ 2.584,16, podendo ser a R$ 5.823,07.

 As inscrições podem ser feitas no site – http://www.institutoaocp.org.br/ – do dia 25 de junho a 26 de julho. A taxa de participação é de R$ 60,00 (Soldados) e de R$ 120,00 (Oficiais).

A seleção será feita por meio de prova objetiva e redação, a serem realizadas no dia 26 de agosto, nas cidades de Vitória, Cachoeiro de Itapemirim, Colatina, Linhares, Nova Venécia, São Mateus e Venda Nova do Imigrante.

A prova objetiva terá 80 questões sobre Língua Portuguesa (20), Raciocínio Lógico e Matemático (20), Noções de Informática (10) e Conhecimentos Específicos (30) para soldados; e 80 questões de Língua Portuguesa (15), Raciocínio Lógico e Matemático (15), Noções de Informática (10) e Conhecimentos Específicos (40) para Oficiais.

Além das provas objetivas e redação, haverá exame de aptidão física, avaliação psicológica, inspeção de saúde, exame toxicológico; investigação social, análise de documentos e o curso de formação para soldados e oficiais.

O concurso terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério do Governo do Estado.