Monday, 12 de December de 2016 às 07h57

Concurso INSS 2016: Autoriza convocação de mais 150 aprovados

Concurso INSS 2017: Resultado final divulgado
 

curso-para-concurso-inss-2016    curso-direito-previdenciario-concurso-inss
 
Principais informações sobre o Concurso:

Assine o canal para não perder nenhum dos nossos programas 

Concurso INSS 2016 publica terceiro edital para convocar mais 150 aprovados, somando 450 aprovados empossados para 950 vagas ofertadas no certame


[ATUALIZADA 12/12] Nesta segunda-feira, 12 de dezembro, foi publicado no Diário Oficial da União terceiro edital convocação Concurso INSS 2016 que autoriza nomeação de mais 150 servidores, sendo 100 para carreira de técnico do seguro social e 50 de analista. Com a terceira convocação, somam 450 aprovados empossados no órgão, das 950 vagas ofertadas no edital de abertura do concurso que foi realizado entre 2015 e 2016, organizado pela Cebraspe, que contou com mais de 800 mil inscritos.

Os convocados pela portaria nº 388 serão lotados em locais definidos pelo candidato no ato da inscrição. Os novos servidores contam com salário inicial de R$4.886,87 para técnico e R$7.496,09 para analista. Dos valores mencionadas, serão acrescidos auxílio-alimentação de R$458,00, além de outros benefícios.

CONFIRA AUTORIZAÇÃO TERCEIRA CONVOCAÇÃO CONCURSO INSS 2016


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]



[ATUALIZADA 05/12] Na última sexta-feira, 2 de dezembro, foi publicado no Diário Oficial da União edital que altera resultado final Concurso INSS 2016 que visa selecionar candidatos para os cargos de técnico e analista do seguro social. O edital de nº 19, adiciona na lista final de classificação, os candidatos aprovados que estavam próximos da nota de corte inicial das vagas, comprovando que mais convocações serão feitas durante a validade do concurso. O resultado final do concurso foi publicado no dia 4 de agosto de 2016 e 300 aprovados já foram convocados para nomeação.


CONFIRA ALTERAÇÃO DO RESULTADO FINAL CONCURSO INSS 2016


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 01/12] Nesta quinta-feira, 1 de dezembro, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) recebeu a autorização para nomear mais 150 aprovados Concurso INSS 2016 em dezembro. Segundo documento publicado no Diário Oficial da União, serão 100 cargos de técnico do seguro social e 50 de analista do seguro social. O próximo passo para a segunda convocação dos aprovados é que o órgão escolha os locais de lotação, respeitando a Gerência Executiva para qual o candidato foi aprovado. A primeira convocação dos aprovados ocorreu em novembro e contou com o mesmo quantitativo de vagas.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 08/11] Hoje, 8 de novembro, foi publicado no Diário Oficial a Portaria Nº 336 que confirma a convocação de 150 aprovados do último Concurso INSS 2016 que deve ser realizada ainda em novembro. O documento especifica que nesta primeira chamada serão 100 para o cargo de técnico e 50 para analista. O certame foi regionalizado e abriu vagas para gerências executivas em todos os estados do país. Com 1 milhão de inscritos para preencher 950 vagas, a expectativa é de que o número de convocados aumente, durante a validade do concurso. O órgão atualmente possui defasagem de mais de 5 mil servidores e outros 10 mil com possibilidade de aposentar.

CONFIRA PORTARIA Nº 336 NOMEAÇÃO CONCURSO INSS 2016


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]



[ATUALIZADA 01/11] Segundo o presidente da autarquia, Leonardo de Melo Gadelha, em uma reunião com a Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (Fenasps), Concurso INSS 2016 deve iniciar convocação dos aprovados ainda este ano, até fevereiro de 2017. Homologado em 4 de agosto, certame oferta 950 vagas para técnicos e analistas.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]
 


[ATUALIZADA 20/09] No último dia 29 foi divulgado documento que consta os números relativos da carência de pessoal e das aposentadorias previstas, aumentando pressão Concurso INSS 2016 inicie a chamada dos aprovados no certame que ofertou 950 vagas e foi homolado no dia 4 de agosto. Uma comissão de aprovados, de 5 mil membros no facebook, elaborou dossiê para ratificar necessidade das convocações.

No dossiê é revelado que atualmente há 18.971 cargos vagos no órgão e que esta carência representam mais da metade das vagas ofertadas no Concurso INSS 2016, sendo 515 para técnicos e 28 para analista. No documento também consta que foram 3.312 aprovados na disputa, sendo 2.678 para técnico e 634 para analista.

Assim, a comissão deseja que além dos 950 dos aprovados, o Ministério do Planejamento autorize adicional de 50% das vagas, garantindo a chamada de mais 475 servidores, sendo 400 técnicos e 75 analistas. A comissão reivindica que esses novos nomeados sejam chamados por meio de despachos presidenciais, como aconteceu no último concurso do órgão em 2011.

Além do dossiê, a comissão dos aprovados elaborou abaixo-assinado para todas as reivindicações e já tiveram mais de 4 mil assinaturas no total. Os deputados e senadores estão pressionando o legislativo para chamada de excedentes. 

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 04/08] Saiu o resultado final. Confira aqui se você foi aprovado!

[ATUALIZADA 03/08] O resultado final do Concurso INSS 2016 sairia hoje, 3 de agosto, mas foi prorrogado para sexta-feira, 5 de agosto, segundo a banca organizadora Cebraspe. A publicação das notas será divulgada juntamente com o resultado da perícia médica dos candidatos com deficiência e os que se autodeclaram negros.

O desempate para ordem de classificação seguem os seguintes critérios:

- Ter idade igual ou superior a 60, até o último dia de inscrição do concurso
- Ter maior nota na prova objetiva de Conhecimentos Específicos
- Ter maior número de acertos na prova de Conhecimentos Específicos
- Ter maior número de acertos na prova de Conhecimentos Básicos
- Tiver maior idade
- Tiver exercício a função de jurado (conforme art. 440 do Código de Processo Penal)

Apenas constarão na lista de homologação final do concurso os candidatos classificados dentro do quantitativo de vagas ofertadas. O concurso teve mais de 1 milhão de inscritos, 800 mil presentes na realização das provas realizdas no dia 20 de junho e a seleção vai preencher 950 vagas para técnico e analista em todos os estados do país.

As nomeações terão início de acordo com o interesse do INSS e os candidatos serão lotados na agência definida ou em alguma unidade da gerência-executiva correspondente e passarão por estágio probatório, com duração de três anos de exercício, conforme a Lei Nº 8.112. O prazo de validade do certame é de um ano, podendo ser prorrogado por igual período, de acordo com necessidade do órgão.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 01/08] Na quarta-feira, 3 de agosto, sairá as perícias dos deficientes e negros e o resultado final do Concurso INSS 2016. Foram aprovados aqueles que conseguiram no mínimo dez pontos em Conhecimentos Básicos, 21 em Conhecimentos Específicos e 36 na soma dos dois. O órgão ainda não informou quando vai homologar o Concurso, mas as convocações ainda estão previstas para agosto.

Além das vagas 950 vagas ofertadas, o instituto ainda vai avaliar a possibilidade de solicitar adicional de 50% das vagas, tendo em vista a carência de 3 mil servidores nas agências e 11 mil aposentadorias previstas, de acordo com relatório do TCU.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

 
[ATUALIZADA 20/07] Na última sexta-feira, 15 de julho, o INSS liberou a relação dos candidatos que se autodeclararam negros ou pardos e o resultado provisório das perícias médicas dos deficientes. Que podem recorrer ao resultado, nesta quarta e quinta (20 e 21), em um dos endereços listados no site do Cebraspe, das 8h às 12h ou das 13h às 17h. Sendo assim, o resultado final para Concurso INSS 2016 para 950 vagas, sairá no dia 3 de agosto.

A instituição já informou que avaliará a possibilidade de solicitar ao MPOG o adicional de 50% das vagas para suprir carência de 3 mil servidores nas agências de todo o país. Se o pedido realmente for feito, o aval só vai ocorrer quando a economia do país melhorar, já que os concursos e contratações estão suspensas no poder Executivo.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 15/07]Na última quarta-feira, 13 de julho, o ex-deputado federal, Leonardo de Melo Gadelha, tomou posse da presidência do INSS. O administrador de empresas será responsável pela realização do novo Concurso INSS 2017 que foi enviado ao MPOG com a solicitação de 7.051 vagas para ano que vem. O documento foi devolvido no mês passado, e por isso, espera-se que o aval seja aprovado no próximo ano.

De acordo com a assessoria de imprensa do Ministério do Trabalho e Previdência Social (MPTS) as vagas não se referem ao que está em andamento para ténico e analista deste ano. As solicitações para o Concurso INSS 2017 estão distibuídas em:

Cargo - Nível Médio
3.627 vagas para técnico do seguro social, com remuneração inicial de R$5.344,87.

Cargos - Nível Superior
1.894 vagas para analista do seguro social, de nível superior, em diversas áreas: serviço social, administração, engenharia, direito, pedagogia, psicologia, comunicação, ciências contábeis, arquitetura, letras e entre outros. A remuneração é de R$7.954,09.

Já para perito médico previdenciário a solicitação é de 1.530 vagas, que exige graduação em Medicina, sendo o salário de R$8.988,41.


Todos os salários já incluem auxílio-alimentação de R$458. Mas esses salários sofrerão reajuste anual no mês de agosto.

O último processo ainda está em aandamento. Como o resultado das provas foi publicado no dia 20 de junho, deixa a expectativa de que as vagas que estão sendo solicitadas agora, são para os municípios que não foram contemplados no edital.

Em março deste ano, foi feito um decreto que alterou o Regulamento da Previdência Social (RPS), que trouxe concessão de auxílio-doença e na perícia médica do INSS. O decreto 8.691 possibilita que o instituto realize um convênio com o SUS (Sistema Único de Saúde), além de conceder benefícios com base no atestado do médico assistente e a regulamentação para retorno antecipado do trabalho.


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 12/07] Na última segunda-feira, 11 de julho, o Cespe/Cebraspe divulgou o quinto edital de retificação do Concurso INSS 2016 que exclui dois candidatos da lista de resultado do certame, além de alterar itens referentes à concorrência de vagas para candidatos negros e a convocaçao para a perícia de candidatos portadores de deficiência. O resultado provisório da perícia e as vagas também foram alteradas.

CONFIRA EDITAL RETIFICAÇÃO Nº 8 INSS

O resultado provisório para concorrer as vagas reservadas aos negros será publicada no Diário da União e no site do Cespe - http://www.cespe.unb.br/concursos/inss_2015 - tem previsão para dia 19 de julho.

As provas foram aplicadas no dia 15 de maio, para mais de 800 mil pessoas, sendo que 1 milhão de pessoas foram inscritas. O resultado final saiu no dia 20 de junho, com uma lista apenas com a relação de notas dos candidatos. Os candidatos aprovados serão nomeados durante o período de validade do concurso que é de um ano, que pode ser prorrogado por igual período, de acordo com a necessidade do órgão.


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]



[ATUALIZADA 04/07] Uma comissão de 200 candidatos reclamaram que o Cebraspe alterou a questão 57 do gabarito da prova objetiva de técnico do seguro social, do caderno Alga. A resposta de "correta" foi para "errada" o que estaria incorreto, além de excluir candidatos da lista de classificados.

A questão é sobre o Direito Previdenciário e trata de dupla filiação de atividades econômicas. A questão sendo incorreta, contraria o Artigo 11 da Lei 8213/1991, que diz: “todo aquele que exercer, concomitantemente, mais de uma atividade remunerada sujeita ao Regime Geral de Previdência Social, é obrigatoriamente filiado em relação a cada uma delas.”

Os candidatos não querem a anulação do concurso, mas sim a anulação da questão. O Cebraspe ainda não tem previsão para divulgar a classificação final do concurso, mas seria liberado depois das análises médicas (deficientes) e da verificação da condição de negro, previstas pro dia 15 de julho. E as nomeações estão previstas para o mês de Agosto.


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADA 28/06] Hoje, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) divulgou as justificativas para a anulação das respostas das provas objetivas do Concurso INSS 2016. Foram anuladas cinco questões na avaliação de técnicos - sendo três de Conhecimentos Básicos e duas de Específicos - e duas anuladas na prova de analista - ambas de Conhecimentos específicos. Os pontos dessas questões forama tribuidos a todos os candidatos e tudo pode ser consultado, de forma individual, no site do Cebraspe, banca organizadora do certame.

Não conseguiu ir muito bem no INSS? O Concurso do IBGE está com vagas abertas

O Cebraspe também informou que ainda não tem previsão para divulgar a classificação final do Concurso. Mas que deve ser liberada logo após os resultados das perícias médicas para deficientes e verificação da condicação de negro, previsto para dia 15 de julho. Haverá também um prazo para recursos, mas ainda não foi informado.

As nomeações estão previstas para Agosto, só depende da confirmação do Ministério do Planejamento. A previsão da autarquia, portante, é de que a homologação do resultado final seja feita em Julho. Segundo a Assessoria de Imprensa do órgão, cesmo com as alterações no cargo de Presidência e do Diretor de Gestão de Pessoas do INSS, as previsões passadas não foram alteradas.


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 27/06] Na última terça-feira, 21 de junho, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) informou que a previsão para convocação dos aprovados do concurso permanece para agosto, após a publicação dos aprovados. Mas tudo depende da autorização do Ministério do Planejamento.

Os gabaritos definitivos já podem ser consultados na página do Cespe - http://www.cespe.unb.br/concursos/INSS_2015/ -. E já foram anuladas sete questões, sendo cinco questões da avaliação dos técnicos (três de Conhecimentos Básicos, e duas de Específicos) e duas da prova de analista (ambas de Conhecimentos Específicos). Os pontos referentes a essas questões serão concedidos a todos os candidatos.

CONSULTA ÁS FOLHAS DE RESPOSTAS

A homologação do resultado final deve acontecer nos próximos dias, e após isso, o INSS irá avaliar se fará um pedido adicional de 50% das vagas ao Planejamento. É de costume da autarquia fazer esse pedido, mas a dúvida agora é se o MPOG vai autorizar, devido a suspensão dos concursos públicos federais.



Solicitação Novo Concurso INSS 2016

O Ministério do Trabalho e Previdência Social (MPTS) informou que já foi solicitada ao MPOG a abertura de um novo concurso para preencher 7.051 vagas, sendo distribuidas nos cargos para  perito médico previdenciário, analista e técnico do seguro social. O departamento reforçou que as novas chances não se referem ao certame em andamento para técnico e analista. Com isso, existe a possibilidade de que as chances para essas novas vagas possam ser para os municípios que não foram contemplados no edital do concurso que está em andamento.

Cargos - Nível Médio
3.627 vagas para técnico do seguro social com remuneração de R$5.344,87

Cargos - Nível Superior
1.894 vagas para analista do seguro social, aceita candidatos com graduação nas áreas: serviço social, administração, engenharia, direito, pedagogia, psicologia, comunicação, ciências contábeis, arquitetura, letras etc. A remuneração é de R$7.954,09

1.530 vagas para petiro médico previdenciário, aceita candidatos com graduação em medicina e registro regular no Conselho Regional de Medicina. A remuneração é de R$8.988,41

Todos os cargos já possuem incluso no salário o auxílio-alimentação de R$458,00. Mas vale lembrar que os salários iniciais sofrerão reajuste anual em agosto.


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZAÇÃO 20/06] A lista dos aprovados do Concurso INSS 2016 para 950 vagas nos cargos de Técnico e Analista, saiu e você pode conferir no site da Cespe/Cebraspe e a publicação no Diário Oficial da União vai ocorrer nesta terça-feira, 21 de junho. Ainda só é possível conferir as notas individuais, acesse aqui

A avaliação contém 120 questões de certo e errado, sendo 50 sobre conhecimentos getais e 70 de conhecimentos específicos. Cada uma das questões valem um ponto. A nota final será a soma das duas provas, onde cada acerto soma 1 ponto e cada erro decresce 1 ponto. Questões sem marcação ou marcação dupla não somam nem subtraem pontos.

Segundo a banca, será reprovado o candidato que tiver nota inferior a 10 pontos na prova obejtiva de conhecimentos básicos ou nota inferior a 21 pontos na prova de conhecimentos específicos, ou se tiver nota inferior a 36 na soma das duas provas.

O critério de desempate será feito nas seguintes ordens:

- Ter idade igual ou superior a 60 anos, até o último dia de inscrição no concurso
- Obtiver maior NOTA na prova objetiva de Conhecimentos Específicos;
- Obtiver maior número de ACERTOS na prova de Conhecimentos Específicos;
- Obtiver maior número de ACERTOS na prova de Conhecimentos Básicos;
- Tiver maior idade;
- Tiver exercido a função de jurado (conforme art. 440 do Código de Processo Penal).

Os aprovados serão convocados dentro da Gerência-Executiva escolhida no momento da inscrição.

A validade do concurso será de um ano, podendo ser prorrogado por igual peírodo, à critério do órgão.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADA 16/06] Na próxima segunda-feira, 20 de junho, está programado para o Cebraspe (antigo Cespe/UnB) divulgar o resultado final da prova objetiva do Concurso INSS 2016. Os 813.706 inscritos concorrem a 950 vagas, sendo 800 de ténico para nível superior e 150 de analista de nível superior em Serviço Social.

Serão aprovados aqueles que conseguirem no mínimo 10 pontos em conhecimentos básicos, 21 em conhecimentos específicos e 36 na soma do exame.

O início das convocações ocorreriam a partir de agosto de acordo com o Diretor de Gestão de Pessoas do INSS, José Nunes Filho. Mas, com a mudança de governo e o anúncio da suspensão dos concursos e nomeações em 2017, não se tem mais certeza que as chamadas ocorrerão neste ano.

Após a homologação do resultado, o órgão fará um pedido para adicionar 50% das vagas. Isso deverá acontecer devido dos excedentes.

O Concurso tem validade de um ano e pode ser prorrogado por igual período, de acordo com a necessidade do órgão. Sendo no regime estatutário de contratação.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


As inscrições podem ser feitas no site - http://www.cespe.unb.br/concursos/inss_2015 - do dia 04 de janeiro até 22 de fevereiro de 2016. A taxa de participação é de R$80,00 (nível superior) e R$65,00 (nível médio).

Quer tirar o seu diploma de Nível Médio ou se formar em algum curso de nível superior, como medicina ou engenharia? Estude para o Enem 2016.


A avaliação será por meio de prova objetiva de 120 questões, sendo 50 de conhecimentos básico e 70 específicos para os dois cargos. Não haverá prova discursiva (redação).

As realizações das provas estão previstas para o dia 15 de maio de 2016, com duração de 3 horas e 30 minutos para todos, no turno da manhã para Analista e no turno da tarde para Cargo Técnico do Seguro Social.

As avaliações ocorrerão nas cidades: Rio Branco-AC, Maceió-AL, Manaus-AM, Tefé-AM, Macapá-AP, Barreiras-BA, Feira de Santana-BA, Itabuna-BA, Juazeiro-BA, Salvador-BA, Santo Antônio de Jesus-BA, Vitória da Conquista-BA, Fortaleza-CE, Juazeiro do Norte-CE, Sobral-CE, Brasília-DF, Vitória-ES, Anápolis-GO, Goiânia-GO, Imperatriz-MA, São Luís-MA, Barbacena-MG, Belo Horizonte-MG, Contagem-MG, Diamantina-MG, Divinópolis-MG, Governador Valadares-MG, Juiz de Fora-MG, Montes Claros-MG, Ouro Preto-MG, Poços de Caldas-MG, Teófilo Otoni-MG, Uberaba-MG, Uberlândia-MG, Varginha-MG, Campo Grande-MS, Dourados-MS, Cuiabá-MT, Sinop-MT, Belém-PA, Marabá-PA, Santarém-PA, Campina Grande-PB, João Pessoa-PB, Caruaru-PE, Garanhuns-PE, Petrolina-PE, Recife-PE, Teresina-PI, Cascavel-PR, Curitiba-PR, Londrina-PR, Maringá-PR, Ponta Grossa-PR, Campos dos Goytacazes-RJ, Duque de Caxias-RJ, Niterói-RJ, Petrópolis-RJ, Rio de Janeiro-RJ, Volta Redonda-RJ, Mossoró-RN, Natal-RN, Porto Velho-RO, Boa Vista-RR, Canoas-RS, Caxias do Sul-RS, Ijuí-RS, Novo Hamburgo-RS, Passo Fundo-RS, Pelotas-RS, Porto Alegre-RS, Santa Maria-RS, Uruguaiana-RS, Blumenau-SC, Chapecó-SC, Criciúma-SC, Florianópolis-SC, Joinville-SC, Aracaju-SE, Araçatuba-SP, Araraquara-SP, Bauru-SP, Campinas-SP, Guarulhos-SP, Jundiaí-SP, Marília-SP, Osasco-SP, Piracicaba-SP, Presidente Prudente-SP, Ribeirão Preto-SP, Santo André-SP, Santos-SP, São Bernardo do Campo-SP, São João da Boa Vista-SP, São José do Rio Preto-SP, São José dos Campos-SP, São Paulo-SP, Sorocaba-SP, Taubaté-SP e Palmas-TO.

O concurso terá validade de um ano, podendo ser prorrogado por igual período, uma única vez, a critério do INSS.

Conheça o nosso Grupo de Estudos do INSS - Sem custo!
Veja aqui um cronograma de estudos para o INSS sem custo!

Está procurando novos Concursos para 2016? Confira nossas recomendações abaixo:
Concurso Caixa CEF
Concurso BB 2016
Concurso Correios
Concurso IBGE Efetivo e Temporário

 

 

Quer mais conteúdo grátis? Inscreva-se no nosso canal e assista todos!



[ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 31/05] Na última sexta-feira, 27 de maio, o pedido de novo concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já está sob análise no Ministério do Planejamento. A solicitação é de 7.351 vagas, sendo 3.627 para Técnico de nível médio (R$5.344,87), 2.194 para Analista de nível superior (R$7.954,09) e 1.530 para perito médico com formação em medicina (R$10.616,14).

O Tribunal de Contas da União (TCU) está apoiando o INSS na cobrança pela manutenção de concursos periódicos. Desde 2013 estão alertando o risco de colapso, caso o instituto não mantenha seus concursos públicos. Todo esse cenário se deu por causa das seleções em 2003.

A carência de trabalhadores coloca em risco a redução no quadro de servidores até 2017. Segundo a auditoria, o quadro insuficiente compromete a análise e concessão de benefícios, possibilitando eventuais falhas no registro de dados nos sistemas eletrônicos. Entre as recomendações do tribunal está a realização de estudos para lotação ideal para alguns cargos e áreas específicas.

Antes de ocorrer a autorização, o INSS precisa de um aval para convocar excedentes do concurso atual. Essa solicitação ainda não foi feita pelo órgão porque será estudada após a publicação do resultado final e da homologação da seleção.


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 18/05] Na última terça-feira, 17 de maio, foi divulgado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe/Cebraspe) os gabaritos preliminares do concurso do Instituto Nacional do Seguro Social - INSS.

O certame foi aplicado em 100 cidades do país para concorrer aos cargos de Técnico e Analista. As provas foram baseadas em conhecimentos básicos (50) e específicos (70) e vale 120 pontos no total, onde cada acerto soma 1 ponto e cada errado decresce 1 ponto da nota. Para ser aprovado o candidato deve pelo menos atingir 10 pontos na prova de conhecimentos básicos, 21 pontos na de conhecimentos específicos e somar 36 pontos nas duas provas.

CONFIRA O GABARITO TÉCNICO INSS 2016
Caderno de Provas Técnico INSS

CONFIRA O GABARITO ANALISTA INSS 2016
Caderno de Provas Analista INSS


Para recorrer ao gabarito oficial das provas, o Sistema Eletrônico de Interposição de Recurso está disponível no site do Cespe - www.cespe.unb.br -. Se houver alguma anulação, a pontuação correspondente será atribuída a todos os candidatos, mesmo para aqueles que não tenham recorrido.

Os resultatos finais e a lista dos aprovados serão divulgados no dia 20 de junho de 2016 e serão convocados em data oportuna e será lotado em qualquer unidade dentro da Gerência-Executiva escolhida no momento da inscrição.

A validade do concurso é de um ano, podendo ser prorrogada pelo mesmo período, à critério do órgão. Os últimos concrusos tiveram validade de 2 anos e foram prorrogados por igual período.

 
[ATUALIZADA 16/05] No último domingo, 15 de maio, mais de um milhão de candidatos realizaram as provas do Instituto Nacional do Seguro Social - INSS para os cargos de Técnico e Analista. Aplicadas em 26 estados, o certame oferta 950 vagas em todo o país.

A prova vale 120 pontos no total, onde cada acerto soma 1 ponto e cada erro decresce 1 ponto. Para ser aprovado o candidato deve atingir pelo menos 10 pontos na prova de Conhecimentos básicos, 21 pontos na prova de Conhecimentos específicos e somar 36 pontos nas duas provas.

Os gabaritos vão ser liberados pelo Cespe na terça-feira, 17 de maio, no prazo das 9h do primeiro dia de divulgação e 18 de maio às 18h do terceiro dia para interposição de recursos.

Para recorrer ao gabarito preliminar, o candidato deve utilizar o Sistema Eletrônico de Interposição de Recurso que está disponível no site do Cespe - www.cespe.unb.br - seguindo as devidas instruções. Se desse recurso resultar anulação de algum item da prova, a pontuação que corresponde a esse item será atribuída a todos os candidatos, independente se tiverem recorrido ou não.

Os resultados finais e a lista dos candidatos aprovados serão divulgado no dia 20 de junho.

A validade do concurso é de um ano, podendo ser prorrogado por igual período, à critério do órgão.



[ATUALIZADA 06/05] Nesta quinta-feira, 5 de maio, foi divulgada tabela de 1.087.804 inscritos na disputa pelas oportunidades abertas. Deste total, o concurso reúne 1.043.815 de inscritos para o cargo de técnico (800 vagas) e 43.989 inscritos para analista (150 vagas).

A tabela traz o número de inscritos por cada cargo e região, permitindo ao candidato saber como está a disputa pelas vagas em que se inscreveu.

CONFIRA A TABELA




[ATUALIZADA 04/05] Já foram divulgados os locais de prova, os candidatos já podem conferir o ensalamento no site do Cespe/UnB - www.cespe.unb.br -. A seleção tem mais de 1 milhão de candidatos inscritos.



[ATUALIZADA 02/05] Na última quinta-feira, 28, foi divulgado pelo Cespe/UnB os horários das provas que serão aplicadas no dia 15 de maio. Para o cargo de analista, o exame será feito às 8h e para o cargo de técnico será realizado às 14h.

Os locais de prova que também seria divulgado quinta-feira, foi adiado para o dia 4 de maio e estará disponível no site do Cespe/UnB - www.cespe.unb.br -.

Para quem se inscreveu para o concurso, a boa notícia é de que os aprovados tem previsão de serem nomeados já em agosto.



[ATUALIZADA 28/04] Nesta quinta-feira, 28 de abril, foi divulgado no Diário Oficial da União a data de 5 de maio para a divulgação dos locais de prova. Os inscritos devem acessar a página do Cespe - http://www.cespe.unb.br/concursos/inss_2015 - para verificar onde realizarão as avaliações.  


[ATUALIZAÇÃO 27/04] Os candidatos inscritos foram notificados via e-mail. O aviso é sobre a data provável para a divulgação dos horários e locais de realização das provas. Confira ↓

Data provável de divulgação do Local das Provas do INSS 
 

[ATUALIZAÇÃO 15/04] O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) informou que já solicitou ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) a abertura de um novo concurso que visa preencher 7.351 vagas

Segundo a assessoria de imprensa do Ministério do Trabalho e Previdência Social (MPTS), o pedido é de 1.530 vagas para perito médico previdenciário e 5.821 para técnico e analista do seguro social. Essa solicitação não se refere à seleção que já esta em andamento.

Como já existe um certame com provas ainda a ser realizada, a expectativa é que a nova seleção seja para os municípios que não foram contemplados no Edital nº 1 – INSS, de 22 de dezembro de 2015.

O que estudar para o Concurso do INSS | Curso Preparatório INSS 

[FIMDA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADA 16/04]  Foi divulgado através do Decreto 8.691, que o INSS pretende contratar mais 7,5 mil novos servidores no ano de 2017. A motivação é que dentro de pouco tempo a instituição aceitará autorização de outros médicos para liberação de benefícios nas perícias médicas e precisará se reorganizar.

Serão 7.531 novas vagas para todas as áreas para que seja possível o atendimento ao fluxo maior de atendimento nas agências. Portanto, se você acha que perdeu o prazo para o Concurso do INSS este ano, não perca mais tempo e comece a se preparar para o novo certame que deve sair ainda este ano.

O que estudar para o Concurso do INSS | Curso Preparatório INSS

[ATUALIZADA 03/03] Nessa quarta-feira, 03 de março, o edital do INSS foi retificado pela quarta vez. A informação foi divulgada no Diário Oficial da União. A alteração é no conteúdo programático de Noções de Informática para ambos os cargos.

CONFIRA RETIFICAÇÃO

As inscrições encerraram no dia 22 de fevereiro de 2016, aqueles que efetuaram tem até o dia 18 de março de 2016 para o pagamento da taxa.

As provas estão marcadas para o dia 15 de maio de 2016.

[ATUALIZADA 29/02] Na última sexta-feira 26/02, a CESPE organizadora do Concurso do INSS, divulgou um comunicado importante sobre o conteúdo das provas:

"O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe)
comunica que a legislação com entrada em vigor após a data de publicação do Edital nº 1 – INSS, de 22
de dezembro de 2015, não será objeto de avaliação, salvo se publicada nos objetos de avaliação
constantes do item 14 do referido edital."

[ATUALIZADA 22/02] Hoje, 22 de fevereiro, é o ÚLTIMO dia de inscrições para o Concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A oferta é de 950 vagas, sendo 800 para o cargo de Técnico do Seguro Social e 150 vagas para Analista, com graduação em Serviço Social. Do total de vagas, 5% serão reservadas para os candidatos com deficiência e 20% para negros e pardos. O Cebraspe, antigo Cespe/UnB, será o responsável pela seleção.

Os salários iniciais variam de R$4.886,87 a R$7.496,00, mais auxílio alimentação de R$458,00 para ambos os cargos.

As inscrições devem ser feitas no site -  http://www.cespe.unb.br/concursos/inss_2015 - até hoje,  22 de fevereiro de 2016. A taxa de participação é de R$80,00 (nível superior) e R$65,00 (nível médio)

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADA 17/02] Em entrevista à TV Anasps, no dia 03 de fevereiro, o diretor de Gestão de Pessoas do Instituto Nacional do Seguro Social – INSS, José Nunes Filho informou que as nomeações dos aprovados do atual concurso terão início logo após o resultado de homologação, “A nossa previsão é para nomeação ainda este ano, dentro de um cronograma, ocorrendo por volta de agosto”, disse Nunes. Um dos motivos dessa decisão é um grande número de carência no quadro de efetivos no órgão.

As inscrições estão em sua última semana, disponíveis até o dia 22 de fevereiro de 2016, no site - http://www.cespe.unb.br/concursos/inss_2015 - A taxa de participação é de R$80,00 (analista) e R$65,00 (técnico)

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADA 15/02] O Concurso mais aguardado do ano está em sua reta final de inscrição. O INSS abriu seleção com provimento de 950 vagas, sendo 800 para Técnico do Seguro Social e 150 para Analista (graduação em Serviço Social). O Cebraspe, antigo Cespe/UnB, será o responsável pela seleção.

As inscrições ficarão disponíveis no site - http://www.cespe.unb.br/concursos/inss_2015 - até o dia 22 de fevereiro de 2016

As provas serão realizadas no dia 15 de Maio de 2016, no turno da manhã para Analista e no turno da tarde para Técnico.

O concurso terá validade de um ano, podendo ser prorrogado por igual período, uma única vez, a critério do INSS.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADA 08/02] Edital do INSS é retificado de novo, a segunda retificação muda o conteúdo programático de Informática para ambos os cargos. A terceira retificação altera e inclui itens em relação as atribuições dos cargos.

Segunda retificação
Terceira retificação

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADA 04/02] O Instituto Nacional do Seguro Social – INSS tem um número alto de funcionários para aposentar, dando a possibilidade de maior convocação no concurso que tem oferta inicial de 950 vagas. No total, em todo país, é esperada a saída de 18.420 servidores até o ano que vem. Segundo os dados revelados pela Associação Nacional dos Servidores da Previdência e da Seguridade Social - Anasps, 45% do efetivo estão em condições de se aposentar.

Esses aposentados deverão ser substituídos pelos aprovados nessa seleção, portanto, o cadastro reserva será útil durante o prazo de validade, que é de um ano e pode ser prorrogado por igual período. No último concurso, em 2011, o instituto convocou 4.500 técnicos, sendo a oferta do edital de 1.500.

Para este ano, 2016, a oferta é de 950 vagas, sendo 150 para Analista do Seguro Social para quem tem nível superior em Serviço Social e 800 vagas para Técnico do Seguro Social. Os salários variam de R$4.886,87 a R$7.496,00 mais auxílio alimentação de R$458,00 para ambos os cargos.

As inscrições devem ser feitas no site - http://www.cespe.unb.br/concursos/inss_2015 - até 22 de fevereiro de 2016. A taxa de participação é de R$80,00 (nível superior) e R$65,00 (nível médio)

[ATUALIZADA 11/01] No dia 31 de dezembro, a Cespe retificou o edital do Concurso do INSS. A alteração é relacionada as vagas reservadas para os candidatos autodeclarados negros ou pardos no estado de Mato Grosso, Gerências Executivas de Sinop e Cuiabá, e a data de divulgação dos candidatos que se autodeclararam para concorrer nas cotas sairá no dia 29 de julho.

Veja Retificação

[ATUALIZADA 22/12] O edital ainda não saiu. A primeira data prevista seria para última sexta-feira, 18 de dezembro, depois a seleção foi transferida para esta terça, 22. Agora, de acordo com fontes do Ministério da Previdência ainda há alguns ajustes para finalização do edital e a data para nova publicação fica para quarta-feira, 23 de dezembro. Os candidatos interessados em participar do concurso do INSS, terão que ter um pouco mais de paciência.

Nós, da Elo Concursos, estamos acompanhando a risca as últimas notícias sobre a seleção mais aguardada de 2015, e junto com nossos leitores, estamos ansiosos para a saída oficial desse edital.

Aos candidatos cabe reconhecer que a realização de concursos deste porte exige o cumprimento de diferentes etapas, a passagem por diversos trâmites. Agora, é manter o foco nos estudos, enquanto esperamos mais um dia para a publicação. Na essência, nada mudou. O edital vai sair. É apenas uma questão de mais um dia. Lembrando que, por determinação do Ministério do Planejamento, que autorizou o concurso, o INSS tem até 29 deste mês para divulgação.

[ATUALIZADA 18/12] Nesta sexta-feira, 18 de dezembro, o Instituto Nacional do Seguro Social – INSS divulgou no Diário Oficial da União, o extrato dos termos do contrato firmado com o Cebraspe, antigo Cespe/UnB como coordenador do próximo concurso da instituição.

A autarquia tem até o dia 29 de dezembro de 2015 para publicar o edital, prazo fixado pelo Ministério Planejamento, mas de acordo com fontes, a previsão é que o edital seja publicado no dia 22 de dezembro, próxima terça-feira.

[ATUALIZADA 15/12] Embora todos os esforços tenham sido feitos para cumprir a previsão de liberação do edital para amanhã, fontes da autarquia do INSS informaram nesta quarta-feira, 16 de dezembro, uma nova previsão para a divulgação do edital, antes o que estava previsto era para o dia 18 de dezembro, agora a data provável é para o dia 22, próxima terça-feira. Os candidatos terão que ter um pouco mais de paciência e aproveitar para estudar mais.

Uma das questões ainda pendentes seria a publicação do extrato do contrato com o organizador, o Cespe/UnB, embora isso não precise ocorrer antes da divulgação do edital. A distribuição das vagas está definida - após a conclusão dos concursos de remoção interna de técnicos e analistas.

[ATUALIZADA 15/12] Alexandre Barreto Lisboa, presidente da Associação Nacional dos Servidores da Previdência e da Seguridade Social – Anasps -, confirmou a previsão de abertura do edital para sexta-feira, dia 18, para o concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para 950 vagas.

“A previsão com que o INSS trabalha é de edital nesta sexta, 18, com as provas ficando para a segunda quinzena de março. Falta, realmente, muito pouco para esse edital sair” – mencionou o presidente.


O edital passa por ajustes finais. Uma das pendências, a distribuição das vagas pelo país, já foi resolvida, com a conclusão do concurso de remoção interna de técnicos e analistas. Essa distribuição ainda não foi divulgada.

 [ATUALIZADA 04/12] Nesta sexta-feira, 04 de dezembro, foi publicado no Diário Oficial da União, a dispensa de licitação com a confirmação do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e Promoção - Cespe/UnB como a banca organizadora para o Concurso do INSS. A assinatura ocorrerá nos próximos dias para que o edital seja divulgado no dia 18 deste mês

[ATUALIZADA 26/11] O edital para preencher 950 vagas no Concurso do Instituto Nacional do Seguro Social – INSS já tem data definida para publicação, dia 18 de dezembro de 2015. De acordo com a fonte “Essa data é uma previsão que poderá ser alterada, caso seja de interesse do INSS. No entanto, todos os esforços estão sendo feitos para que o edital saia nesse dia”.

Segundo Moacir Lopes, diretor da FENASPS, as provas objetivas estão previstas para fevereiro ou março do ano que vem, mas não soube informar a data exata das provas.

 
[ATUALIZADA 24/11] Nesta sexta-feira, 27 de novembro, será divulgado o resultado final de remoção interna de técnicos e analistas do Instituto Nacional do Seguro Social - INSS. Com esse resultado, a autarquia poderá, por exemplo, finalizar o estudo da distribuição das vagas pelo país e lançar o edital para o novo concurso. Segundo o diretor de Gestão de Pessoas do instituto, José Nunes Filho, o INSS precisa também concretizar a contratação do Cespe/UnB, escolhido como organizador, por dispensa de licitação. Eles ainda disseram que o edital deverá sair até 18 de dezembro e as provas ocorrerão em fevereiro ou março, para que as contratações sejam feitas em abril.

Das 950 vagas, 800 são para o cargo de Técnico do Seguro Social com salário de R$5.259,87, e 150 de Analista com salário inicial de R$6.832,89

[ATUALIZADA 13/11] O diretor de Gestão de Pessoas do INSS, José Nunes filho, confirmou que as provas devem acontecer no início do ano que vem e que a previsão é que as contratações ocorram até o começo do segundo semestre de 2016. O prazo para o lançamento do edital é de 48 dias.

"A nossa expectativa é de realização do concurso no primeiro semestre e ainda no primeiro semestre ou, no máximo, no início do segundo semestre de 2016 a gente já possa fazer a contratação, a nomeação dos novos servidores", disse José Nunes Filho em a Associação Nacional dos Servidores da Previdência e da Seguridade Social (Anasps).

O órgão só aguarda o processo de remoção interna para definir a distribuição das 950 vagas para técnico e analista do seguro social, e a assinatura do contrato de prestação de serviços com o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e de Promoção de Eventos  Cespe/UnB.

[ATUALIZADA 06/11] O edital sendo lançado em dezembro, as provas podem ser realizadas após o início das inscrições, período mínimo de 60 dias.

No final de outubro, Moacir Lopes, diretor da Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social informou que o edital seria aberto em dezembro e as provas ficariam para o primeiro trimestre de 2016

O que impedia o lançamento do edital era finalização do processo de remoção interno dos servidores da área de serviço social, o que já ocorreu

[ATUALIZADA 27/10] Nesta última segunda-feira saiu a mais recente atualização sobre o concurso do INSS e é uma ótima notícia para quem vem se preparando para o certame ou quem está interessado em começar. O órgão publicou o seu o edital do concurso de remoção interna dos técnicos do seguro social – que podemos considerar como o último entrave para que o novo edital do concurso seja publicado. Após a seleção interna, o INSS estará apto a definir a distribuição das vagas pelo país e publicar o edital pelo Cespe/Unb. Segundo o cronograma da seleção, o resultado final será publicado em 27 de novembro, com o edital previsto para ser publicado dias depois. 
.
[ATUALIZADA 20/10] Na última sexta-feira, 16 de outubro, em reunião com a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS) e a Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (Fenasps), a presidente do INSS, Elisete Berchiol informou que o edital do concurso para 950 vagas encontra-se em fase final de elaboração

O INSS confirmou que o concurso irá acontecer e que o edital está em fase de formatação final. Eles não passaram, porém, nenhuma data para publicação do edital e aplicação das provas, nem a distribuição das vagas pelo país. O que sabemos é que há uma defasagem no Brasil inteiro. Teremos uma nova reunião nesta terça, 20, e voltaremos a cobrar informações sobre o concurso”, declarou a diretora da CNTSS, Terezinha de Jesus Aguiar


Com a confirmação da Cespe/UnB como organizadora da seleção, a autarquia tem até o dia 29 de dezembro de 2015 para publicar o edital, prazo fixado pelo Ministério do Planejamento, mas há chances que esse prazo seja encurtado. A informação de que o documento está em fase final de elaboração cria a expectativa de que possa ser divulgado muito em breve.

É provável também que o INSS já tenha definido a distribuição das vagas pelos estados, pelo fato de já ter escolhido o organizador. Isso, porém, ainda não foi divulgado. Das 950 vagas autorizadas, 800 são de Técnico do Seguro Social (nível médio) e 150 para Analista (nível superior). Salários variam de R$5.259,87 à R$7.869,09. Cargos de estabilidade.

Para os interessados a ingressar em uma das carreiras ofertadas, a preparação é fundamental. É importante continuar os estudos, pautando-se nas provas realizadas pela Cespe/UnB.

[ATUALIZADA 15/10] De acordo com fonte ligada ao INSS, há pressa para o ingresso de novos servidores, e aplicação das provas seria para este ano, 2015. Portanto, devido a falta de datas para realizá-las, já que outros órgãos já reservaram dezembro para seus concursos, é provável que o INSS faça suas provas apenas em 2016, o que dá mais tempo para os pré-candidatos estudarem mais.

Apesar do dia 29 de dezembro seja a data para divulgação, o edital deve ser publicado em breve, antes do prazo estipulado. O Cespe/UnB é o organizador, definido por dispensa de licitação, faltando apenas a assinatura do contrato e a oficialização no Diário Oficial da União (DOU), é provável que já haja definição para a distribuição de vagas que deve abranger todo o país, mas ainda não foi divulgado.

De 2013 à 2015 já houve desocupação dos cargos de 4.044 servidores. Além disso, até 2017, haverá 18.420 servidores em condições de aposentadoria, o que mostra a importância de um novo certame

[ATUALIZADA 07/10] Com a Cespe/Uns já definida para a organização da seleção, falta apenas a assinatura do contrato, para a banca ficar oficializada. Apesar do INSS ainda não informar um prazo para a liberação do edital, algumas fontes ligadas ao Instituto afirmam que isso acontecerá esse mês, e as provas serão marcadas para esse ano, 2015. Além disso, o setor de Recursos Humanos do órgão já havia revelado que as regras do concurso serão publicadas antes de 29 de dezembro, prazo estipulado pela portaria de autorização do Ministério do Planejamento.


curso intensivo para o concurso INSS


Fizemos um vídeo para você entender mais sobre a autorização do concurso do INSS e também sobre como foram os concursos anteriores

Das 950 vagas, 800 serão para o cargo de Técnico do Seguro Social, com exigência de Nível Médio e salários chegam à R$5.259,87 (após 6 meses) e 150 para o cargo de Analista, com graduação em Serviço Social e salário inicial é de R$6.832,89.

Caso o objetivo do INSS seja realmente aplicar provas este ano, o edital deverá ser publicado até o próximo dia 20. Isso porque, segundo o Decreto 6.944, é preciso haver um intervalo de, pelo menos, 60 dias entre a divulgação do documento e a aplicação das avaliações.
 
[ATUALIZADA 29/09] Acaba de ser divulgado uma excelente notícia para quem está aguardando o concurso do INSS 2015: Confirmado Cespe/UnB como organizadora, conforme publicado no Boletim de Serviços da Autarquia:

Confirmação da Cespe como banca do INSS

Segundo este documento, eles receberam e analisaram 3 propostas de banca organizadora: FCC, Cespe e FGV. A escolhida para prestar o serviço foi a Cespe! Já nos próximos dias sairá o extrato de dispensa de licitação no DOU, para em seguida ser publicado o edital de abertura do Concurso do INSS 2015. Rodrigo Schluchting CEO do Elo Concursos enfatiza que "muitos largaram os estudos com a notícia da suspensão dos concursos públicos. Como afirmamos, essa medida do governo afeta mais o psicológico do concurseiro do que os concursos de maneira geral. Agora é a melhor hora de intensificar os estudos pois o edital já deve ser divulgado nos próximos dias!".

[ATUALIZADA 25/09] De acordo com fonte ligada ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), houve o processo de remoção interna de analistas e que a autarquia agora se concentra na etapa de remoção dos técnicos. Ou seja, essa etapa concluída garante mais ainda que o próximo concurso está mais perto de ser lançado para preenchimento de 950 vagas em todo país. Após o término desses processos de remoção, o instituto poderá finalizar a distribuição das vagas.

Enquanto se organiza para definir essa oferta por estados, a autarquia adianta também outras pendências. Uma delas, a organizadora, já é negociada. A provável organizadora será a Cespe/UnB

[ATUALIZADO 23/09] Hoje, dia 23/09, faremos uma palestra ao vivo no nosso Youtube para comentar sobre a suspensão dos concursos públicos, dizer quais concursos serão afetados e quais não serão, e claro, falaremos bastante sobre o Concurso do INSS. Então, não perca hoje às 17 horas, horário de Brasília. Essa live ficará gravada para quem quiser assistir depois. Inscreva-se para não perder nada do que vamos falar [FIM DA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADA 15/09] Apesar do governo ter anunciado cortes no orçamento para 2016, o concurso do INSS não será afetado pois já está autorizado e com isso tem até Dezembro para lançar o edital. Portanto não há o que temer, o concurso será realizado normalmente.

[ATUALIZADA 01/09] A paralisação dos servidores do INSS apressará a divulgação do edital para esse ano de 2015, o objetivo da greve é reivindicar um reajuste salarial de 27,6%, sendo assim, edital tem atenção maior pelos responsáveis.

O INSS tem até o dia 29 de dezembro de 2015 para lançar o edital, uma vez que a Portaria de autorização, divulgada em 26 de junho, estipula o tempo máximo de 6 meses para abertura da seleção. Com a greve dos servidores por causa da carência de pessoal no instituto, poderá acelerar o processo de divulgação do edital, devendo o documento ser lançado antes do previsto. Atualmente o órgão está elaborando o projeto básico da seleção e, finalizada esta etapa, seguir-se-á para a escolha da banca organizadora, relata a Assessoria de Imprensa do INSS.

[ATUALIZADA 12/08] Temos novidades sobre o Concurso INSS 2015, no dia 10 de agosto, o INSS confirmou reunião do diretor de Gestão de Pessoas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) José Nunes Filho com representantes do Cebraspe (Cespe/UnB), na sexta-feira, dia 07 de agosto, para possibilitar escolha da organizadora do concurso para 950 vagas. Há uma grande chance da Cespe/UnB ser escolhida para o certame.

O INSS tem até o dia 29 de dezembro para fazer a publicação do edital. Mas segundo o setor de Recursos Humanos esse prazo será encurtado, pois há pressa para a abertura do concurso e espera-se que o anúncio da organizadora ocorra nos próximos dias. Em 29 de junho, o instituto anunciou que, após definir a distribuição das vagas e elaborar o projeto básico, daria início ao processo de escolha da organizadora. Então é provável que tenha uma definição do número de vagas pelo país e elaboração do pré-edital concluída, já que houve reunião com a Cespe/UnB, mas nada ainda definido.

[ATUALIZADA 23/07]O Concurso do INSS 2015 já está autorizado, e a expectativa da saída do edital está ainda maior segundo o Ministro da Previdência Social. A próxima etapa do concurso é escolher a organizadora do certame.
 

Vídeo sobre o Concurso INSS 2015
 

Hoje, 23 de Julho e 2015, saiu uma nota do Ministro da Previdência, Carlos Gabas dizendo que “as vagas serão para recomposição continuada das trabalhadores, pois estão preocupados com o déficit atual de funcionários”.

Também foi apresentado o fato que existe uma necessidade de reorganização de gênero, quantitativo e distribuição regional de funcionários ativos, por meio de um projeto de dimensionamento da força de trabalho.

Segundo o Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS), a contratação dos aprovados precisa ser agilizada, para que sejam convocados o quanto antes. Eles querem tornar o processo mais rápido para ficar dentro da validade do Concurso. [FIM DA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADA 18/07] Devido a greve da Federação nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Previdência Social (Fenasps), que ocorreu dia 13 de Julho de 2015, os ministro da Previdência Social, Carlos Eduardo Gabas, e a presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Elisete Berchiol, reuniram-se com a Fenasps, no gabinete do senador Paulo Rocha, também presente na reunião. Na reunião foi divulgado que o concurso de 950 vagas já está avançado, e logo deve ser publicado o edital o mais rápido possível. Quem informou foi o diretor da Fenasps, Carlos Roberto dos Santos, participante da reunião.

Além do concurso, os funcionários da Receita Federal também estão reivindicando por mais gratificação de desempenho (Gdass), redução da carga horária e ajustes no plano de carreira. 

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADA  29/06] Depois de tantas especulações e incertezas finalmente o concurso do INSS foi autorizado. Serão 950 vagas, sendo 800 para Técnico e 150 para Analista do Seguro Social. O cargo de Técnico é para Nível Médio e Analista para Nível Superior. O INSS tem um prazo de 6 meses para liberar o edital, isso deve fazer com que ele saia no segundo semestre deste ano, até Dezembro de 2015. Outras áreas, como Perito Médico, estavam para ser aprovadas, mas devido a urgência de Técnico e Analista, foi liberado o edital somente para essas vagas. No total, o pedido era para 4.730 vagas, mas acabaram sendo aprovadas apenas 950. As outras vagas devem ser aprovadas ano que vem. Autorização para a realização do Concurso do INSS
 


[ATUALIZADA 26/06] O concurso do INSS está sendo pressionado para sair o quanto antes. Muitos funcionários estão para se aposentar e outros estão precisando de mais pessoas em seu departamento. Por causa desse déficit de pessoal, os funcionários da Receita Federal decidiram fazer uma paralização. A Associação Nacional dos Servidores da Previdência e da Seguridade Social (Anasps) juntamente com a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS), além de outras entidades, farão greve na Previdência Social, que inclui o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), a partir do dia 7 de julho. Apartir dessa pressão, o concurso deve sair o mais rápido possível.

A pauta das reivindicações reúne diversas solicitações, incluindo a realização de concurso público para  substituir os servidores que se aposentam e aliviar a defasagem de profissionais enfrentada pelo órgão.

O  (INSS) aguarda desde fevereiro do ano passado a liberação do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para a realização de um concurso público com 4.730 vagas de níveis médio e superior ainda em 2015.

A expectativa é que a autorização seja concedida em breve, uma vez que o único entrave para que ela ocorresse era o anúncio dos cortes no Orçamento de 2015, divulgado no dia 22 de maio pelo ministro do Planejamento, Nelson Barbosa. Agora, com a Programação Orçamentária e Financeira deste ano em mãos, a Pasta pode liberar o concurso do INSS a qualquer momento.

[ATUALIZADO 31/05] No dia 27/05, o Ministro do Planejamento informou que o governo definirá a situação dos concursos até final de Junho. E disse também que entre os órgãos o do INSS é prioridade, pois tem uma grande necessidade de pessoal. Tudo indica que o concurso deverá ter novidades mais concretas em breve, como número de vagas e a autorização do concurso INSS 2015.


[ATUALIZADO 21/05] Até essa sexta-feira, dia 22, a Presidente da República Dilma Rousseff vai divulgar o orçamento que mostrará as verbas para cada ministério. Isso é muito importante porque assim o Ministério do Planejamento pode liberar muitos concursos que estão aguardando para serem autorizados. Um dos mais importantes com certeza é o concurso do  Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), vinculado ao Ministério da Previdência Social.


[ATUALIZADO 08/05] Nos últimos dias saiu uma resposta do Ministério do Planejamento sobre o Concurso INSS 2015, essa nota gerou muito desespero nos candidatos, porém, ela apenas reforça o momento de baixo orçamento que o país está passando, a autorização ainda encontra-se em análise, portanto os candidatos devem manter os estudos para não serem surpreendidos por concorrentes que não desanimaram.

Outro ponto importante é que o Concurso do INSS que foi realizado em 2013 para Nível Superior foi prorrogado para mais 1 ano, portanto os aprovados neste concurso ainda tem chances de serem chamados até Maio de 2016, ficando um novo concurso somente após essa data. Lembrando que essa decisão vale apenas para o concurso de Nível Superior, o de Nível Médio continua na expectativa ainda para este ano. [FIM DA ATUALIZAÇÃO]

[ATUALIZADO 31/03] No dia 27, o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) recebeu o requerimento de informação (RIC 163/2015) do deputado federal Chico Alencar (Psol-RJ), questionando quando ocorrerá o concurso para o INSS, quantas vagas serão autorizadas, para quais cargos e que medidas serão tomadas para cobrir o déficit de pessoal.
 
Vídeo sobre o Concurso INSS 2015

A informação está disponível no site da Câmara dos Deputados, onde é possível acompanhar a tramitação do RIC. Ainda de acordo com a Câmara, o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, deve dar as respostas até o dia 27 de abril, quando completam 30 dias úteis da entrega do requerimento. A expectativa é de que sejam passadas novas informações a respeito da tramitação do pedido de concurso no MPOG. Além disso, espera-se que o governo sinta-se ainda mais pressionado a autorizar a seleção do Concurso INSS 2015, que sofre com a carência de pessoal e as iminentes aposentadorias.

Apesar do momento ruim da economia do Brasil, é de extrema necessidade o preenchimento das vagas na autarquia, para evitar entrar em colapso, conforme o alerta do Tribunal de Contas da União (TCU), que afirmou: "O TCU tem um corpo técnico muito qualificado, e o concurso para o INSS 2015 é uma exigência para o respeito aos direitos dos segurados da nossa Previdência Social. Apesar da política de contenção do governo, a presidente Dilma Rousseff e o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, não podem ser insensíveis ao problema. Vamos cobrar a realização do concurso", garantiu.

O concurso do Instituto Nacional do Seguro Social para 2015 só poderá ser realizado, quando o Orçamento da União deste ano seja votado. O INSS solicita 4.730 vagas, sendo que 2 mil são para técnico, exigindo nível médio, 1.589 de analista do seguro social, para nível superior completo e 1.150 para perito médico, para os graduados em Medicina. Para técnico, a remuneração inicial é de R$ 4.620,91, para analista, é oferecido R$ 7.504,45 e para perito, R$ 10.559,64.

A Associação Nacional dos Servidores da Previdência Social (Anasps), afirmou que o número de vagas solicitado para o concurso do INSS está defasado, devido a demora na autorização do processo de seleção. Carlos Eduardo Gabas, ministro da Previdência Social, negocia o número de vagas a ser oferecido, juntamente com o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa.
 

Confira abaixo o Requerimento de Informação N./2015 do deputado Chico Alencar:


(Do Sr. Chico Alencar)
Solicita ao Ministro de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão, Sr. Nelson Barbosa, informações acerca do próximo concurso para provimento de vagas no Instituto Nacional de Segurança Social (INSS). Solicito a Vossa Excelência, com base no art. 50, § 2º da Constituição Federal e na forma dos arts. 115 e 116 do Regimento Interno, que, após consulta à Mesa, sejam solicitadas ao Ministro de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão, Sr. Nelson Barbosa, as seguintes informações:

1) Quando será o próximo concurso para provimento de vagas no
Instituto Nacional de Segurança Social (INSS)?
2) Quantas vagas serão abertas?
3) Para quais cargos?
4) O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão tem ciência do
número de servidores do INSS com idade para se aposentar? Se sim,
quais medidas serão tomadas para cobrir esse déficit?

JUSTIFICATIVA

Diversos veículos de comunicação informam que o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) conta com mais de 10 mil servidores em condições de se aposentar, estando com grande carência de pessoal. Neste sentido, o próprio órgão solicitou ao Ministério do Planejamento a abertura de concurso para cargos dos níveis médios e superior. A solicitação foi para o preenchimento de 4.730 vagas, distribuídas da seguinte forma: 2 mil para técnico do seguro social (nível médio), 1.150 de perito médico (superior em Medicina) e 1.580 de analista do seguro social (nível superior em várias áreas).

Tal déficit de recursos humanos é apontado por auditoria realizada pelo Tribunal de Contas da União (TCU), que informou que o INSS poderá entrar em colapso devido ao grande número de aposentadorias previstas. Na mesma direção, afirma o presidente da Associação Nacional dos Servidores da Previdência e da Seguridade Social (Anasps), Alexandre Barreto Lisboa: “a abertura de concurso é urgente e inevitável, pois o INSS conta com mais de 10 mil servidores com idade para se aposentar, que só não se desligaram ainda porque recebem abono de permanência”. Ante o exposto, o objetivo deste Requerimento de Informação é saber quando será o próximo concurso, quantas vagas serão abertas e para quais cargos, tendo em vista a indispensabilidade do serviço prestado pelo INSS e o respeito perante os segurados da previdência social.

Nestes termos, requer o encaminhamento.
Brasília, 12 de março de 2015.
Deputado CHICO ALENCAR
PSOL/RJ.
 

Curso Intensivo para o concurso do INSS



Vagas e Salários
 

O INSS solicitou 2 mil vagas de técnico do seguro social, para candidatos de nível médio, 1.580 de analista do seguro social, de nível superior, e 1.150 de perito médico, para graduados em Medicina. Os rendimentos iniciais serão de R$5.259,87 para o técnico, R$7.869,09 para o analista e de R$10.559,64 para o perito, com o reajuste de 5% já aplicado. O pedido está no Ministério da Previdência Social, por conta da solicitação de alteração da estrutura regimental, junto ao concurso. A Previdência não informou a causa de não ter reenviado o processo de autorização ao MPOG, o que acarretou uma forte pressão para autorizar o concurso INSS 2015.

 
No entanto, a grande necessidade de pessoal para manutenção das atividades do órgão fizeram com que o setor de recursos humanos do órgão aumentasse a solicitação para 4.730 postos. Dificilmente o governo federal autorizará tal montante, mas uma boa parcela destas vagas deverão ser providas no próximo concurso.
 

Risco de colapso pressiona a instituição
 

 
A maior causa dessa pressão é a situação delicada que vive o instituto, com 10.106 servidores em condições de se aposentar (correspondente a 26% dos 38.222 servidores ativos), sendo 6.330 técnicos, 14 analistas, 342 peritos e 3.420 de cargos em processo de extinção (1.024 agentes de serviços diversos e 705 datilógrafos). O colapso das atividades é atualmente um risco real.
 
O Tribunal de Contas da União (TCU), por meio de auditoria, aconselhou que o instituto realizasse o mais breve possível o concurso, já que corre risco de colapso, caso não disponha de novos servidores. Outra pressão é a situação das agências por todo o país: mais de 50% dos servidores recebem abono de permanência. Levando em consideração os números por estados, o Rio tem 39% dos servidores em condições de aposentar-se nos próximos anos.

Anasps exige concurso INSS 2015
 

O presidente da Associação Nacional dos Servidores da Previdência Social (Anasps), Alexandre Lisboa, já se mostrou otimismo em relação à autorização do concurso e afirmou que o seu desejo é de que o aval seja dado ainda neste semestre, por ser uma demanda antiga. De acordo com Alexandre, o pedido de 4.730 vagas é defasado, pois a solicitação foi feita em maio do ano passado e houveram muitas aposentadorias, afastamentos e falecimentos nesse período.
 
Quem sonha com uma vaga do concurso INSS 2015 deve ter foco. É necessário utilizar o tempo que falta até a abertura da seleção para adiantar os estudos. A última seleção da autarquia para técnico e perito ocorreu em 2011, sob organização da Fundação Carlos Chagas (FCC) e para analista em 2013, quando a FunRio foi a organizadora.
 

Cargos INSS
 

Perito Médico Previdenciário requisito é de ensino superior em medicina e registro profissional. O salário inicial é de R$ 10.852,00, já acrescidos de gratificação de desempenho de atividade de Perícia Médica Previdenciária, mais R$ 373,00 de auxílio alimentação, perfazendo a importância de R$ 11.225,00 mensais
 
Analista do Seguro Social exigência é também de nível superior e vagas contemplam várias áreas de formação. No último concurso, por exemplo, havia oportunidades para especialidades de Estatística, Ciências Contábeis, Direito, Administração, Engenharia Civil, Engenharia Mecânica, Engenharia Elétrica, Engenharia de Telecomunicações, Engenharia de Segurança do Trabalho, Arquitetura, Tecnologia da Informação, Terapia Ocupacional, Pedagogia, Psicologia, Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Fisioterapia e Letras. O salário do Analista, que era de R$ 7.147,12 no último concurso, passará em 2015 para R$ 7.504,45, mais R$ 373,00 do auxílio alimentação.
 
Técnico do Seguro Social exige escolaridade de nível médio completo e tem remuneração inicial de R$ 4.620,91, já acrescida a gratificação de atividade executiva e de desempenho de atividades. Além da remuneração básica há vale alimentação no valor de R$ 373,00, totalizando vencimentos de R$ 4.993,91.

Conheça o órgão INSS (Instituto Nacional do Seguro Social)
 

O Instituto Nacional do Seguro Social é um órgão do Ministério da Previdência Social, ligado ao Governo. O INSS foi criado em 1988, e uma de suas funções são as contribuições de aposentadoria dos cidadãos. Além de receber as contribuições dos indivíduos para o pagamento de aposentadorias, auxílio-doença, auxílio-acidente, pensão por mote, salário-maternidade, dentre outros benefícios previsto por lei.

A previdência social é um seguro que as pessoas contribuem durante o período trabalhado, e é o INSS que repassa a renda a pessoas que não tem outras fontes de renda no momento, independente do motivo. Os trabalhadores têm o valor do INSS descontados diretamente na sua folha de pagamento, e os valores a serem descontados vão depender do salário de cada um, e podem variar de 8% a 11%, quanto maior o salário, maior é o desconto.
 

Vantagens de trabalhar no INSS
 

Está cada vez mais próximo o concurso do Instituto Nacional do Seguro Social, e deverá reunir um alto índice de inscritos em busca de cargos com estabilidade e altos salários oferecidos pelo órgão, que é uma importante porta de entrada para o serviço público.

Com mais de 2.000 agências espalhadas pelos municípios brasileiros, ou seja, o servidor terá à sua disposição a opção de trabalhar em cidades diferentes no decorrer de sua carreira profissional, seja em pequenas cidades do interior, seja em grandes cidades ou locais de belas paisagens naturais, como praia. Pensando em belezas naturais, o INSS tem os chamados “PREVBarcos” que são, na verdade, unidades móveis flutuantes e equipadas com grandes tecnologias que funcionam nos rios da região amazônica, onde dar acesso à população ribeirinha. Plano de saúde GEAP, carga horária de oito horas, com opção de redução para seis, remuneração proporcional, dentre outros elementos vantajosos.


10 grandes motivos para trabalhar no INSS


1. Remuneração inicial totalizando R$ 7.147,12, incluindo a GAE e a GDASS.

2. Gratificação de Atividade Executiva (GAE) fixa equivalente a 160% do vencimento básico mensal.

3. Plano de saúde

4. Vale–transporte, auxílio–alimentação e auxílio–creche.

5. Estabilidade empregatícia (regime de trabalho estatutário).

6. Possibilidade de solicitar transferência para outra cidade, após o estágio probatório, podendo voltar a fixar residência na terra de origem.

7. Gratificação de Desempenho de Atividades do Seguro Social (GDASS), semestral.

8. Desenvolvimento na carreira por meio de progressão e promoção.

9. Possibilidade de trabalhar na sua área de formação.

10. Mais de mil agências de atendimento para trabalhar.
 

Dicas para se preparar para o concurso do INSS 2015:


O concurso do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) de 2015 é um dos mais aguardados entre os concursos públicos deste ano. Serão diversas oportunidades e vagas de níveis médio e superior, além de ótimos salários.

Se preparar para este concurso é mais do que importante, tenho em vista que este ano tenderá a ser ainda mais concorridos, diante de tantas vantagens de se trabalhar no INSS. Segue abaixo dicas para se preparar para o concurso do INSS 2015:

1) Ter atenção ao noticiário: O instituto é sempre afetado pelas políticas econômicas em médio e longo prazo e os pacotes econômicos vigentes tenderão a cair na prova.

2) Conhecer o histórico do INSS: Saber quem é a atual presidente, qual seu perfil administrativo, quais as características que diferencia ela da última presidente, etc. Esteja sempre informado.


3) Ter mais eficiência nos estudos: É bom lembrar que estudar várias horas não é tudo, e sim fazer essas horas renderem. Para seus estudos serem mais efetivos.

4) Plano econômico, assim como outros, envolve textos: Você não fugirá da redação e também das questões de português. É preciso treinar e muito seus textos para ter um bom desempenho nas provas.


5) Simulados: Importância dos simulados é acostumar o candidato à pressão das avaliações do processo seletivo, pois, geralmente são questões difíceis.

6) Leia bastantes jornais: É importante para poder fazer a redação, já que sempre aborda temas contemporâneos. A economia do Brasil e do mundo é sempre relevante para a redação do INSS.


7) Descanso ante da prova: É ideal estudar bastante para o concurso do INSS, mas ficar nervoso e tentar estudar muitos pouco antes das provas pode fazer seu desempenho cair. É preciso descansar, relaxar, se descontrair.
 

Comentários sobre trabalhar no INSS


Trabalhar no INSS trás vários benefícios para o bem estar no trabalho de muitas pessoas, tanto que é fácil encontrar depoimentos de servidores contentes com seu trabalho.
 
“Considerando que nosso trabalho é garantir proteção ao trabalhador e a sua família, trabalhar no INSS é muito bom, pois ajudamos as pessoas e ainda somos remunerados por isso. As rotinas de uma agência da Previdência Social (APS) incluem atendimento, orientação e informação ao público, bem como habilitação, concessão, revisão e manutenção de benefícios, entre outras. Além do trabalho nas APSs, também há bastante serviço na área-meio, mas a carência de servidores é bem maior nas APSs. Eu considero a estabilidade no cargo a principal vantagem não só do INSS, mas de qualquer cargo público. Se não houvesse mais nenhuma outra vantagem, ainda assim eu acharia bom, porque valorizo muito a garantia do salário depositado todo mês e a possibilidade de planejamento da minha vida à longo prazo, sem preocupação com empregabilidade. Caso o servidor tenha interesse, existe a possibilidade concreta de assumir cargos de chefia. Ocasionalmente, o INSS dá bolsas de estudo para qualificação, em cursos de graduação e pós-graduação”, afirma Fabiano, funcionário do INSS.
 
“Trabalhar no INSS é muito bom, além dos benefícios, de uma vida financeira relativamente tranquila, o servidor tem a oportunidade de ajudar as pessoas, quando do cumprimento da missão da Autarquia que é garantir proteção ao trabalhador e sua família, promover o reconhecimento, pela Previdência Social, do direito aos benefícios por ela administrados”, depoimento de um funcionário não identificado, postado em um fórum.
 
Muitos de seus funcionários ressaltam um fenômeno interessante dentro do INSS: não há barreiras hierárquicas entre superintendente, servidores (gestores e não gestores) e terceirizados. O que demonstra maturidade e profissionalismo. “Tenho liberdade para criar, propor, discutir, criticar, sugerir e isso me incentiva a sempre procurar fazer o que precisa ser feito da melhor forma possível”, afirma Dora, Analista do INSS.



curso intensivo para o concurso do INSS

Cursos relacionados

Curso Concurso INSS 2017

Pacotão Concurso INSS (Teoria + Exercícios + Pós-Edital)

de R$ 600.00 por R$ 399.00

ou 10x de R$ 39.90

5
Curso de Direito Previdenciário para o Concurso do INSS 2016

Curso de Direito Previdenciário para o Concurso do INSS 2016

de R$ 69.00 por R$ 49.00

ou 3x de R$ 16.33

5
Curso Concurso INSS 2017

Pacotão Concurso INSS (Teoria + Exercícios + Pós-Edital)

de R$ 600.00 por R$ 399.00

ou 10x de R$ 39.90

5

Formas de Pagamento

85% de aprovação em concursos
SSL