INSS: relatório aponta que duas mil vagas de técnico ainda não suprem a necessidade de vagas na Previdência Social

Elo logo mini

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) ainda aguarda autorização do Ministério do Planejamento para a abertura do concurso que prevê o preenchimento de duas mil vagas de técnico do seguro social para nível médio. As vagas ainda que preenchidas em sua totalidade deixarão a Previdência Social com um número insuficiente de servidores para que o atendimento aos segurados e pensionistas do país seja feito de maneira satisfatória.

De acordo com um relatório técnico enviado pelo INSS ao Planejamento, a abertura desse concurso serviria para preencher a vacância de 5.054 servidores da instituição, sendo que desse total 3.253 eram somente na função de técnico de seguro social a essas vagas soma-se as vacâncias não comtempladas no concurso de 2011.

De acordo com uma nota técnica em 2010, 1.107 cargos ficaram vagos, 835 em 2011, 906 em 2012 e 405 até abril de 2013 somente no cargo de técnico de seguro social, estimativas apontam para 4 mil vagas em aberto para serem preenchidas apenas nesse função. Somam-se a esses números os 10 mil servidores em abono de permanência, isto é, que já possuem condições de requerer a aposentadoria.

Vagas previstas

O pedido feito ao Ministério do Planejamento, segundo o INSS é de 3.080 vagas, sendo que 2 mil para técnico do seguro social e 1.080 para perito médico, entretanto a ministra do planejamento teria sugerido que apenas 1.500 vagas seriam preenchidas na primeira função, já o concurso para perito médico seria realizado em outra oportunidade, o fato é que essas vagas possuem caráter emergencial, visto o déficit de servidores e a iminência de novas aposentadorias.

Para esse concurso no INSS é importante que os candidatos estejam preparados para a realização da prova para que consigam a melhor classificação possível. O grande déficit de servidores na Previdência Social pode ser visto como algo positivo, pois o número de convocações pode aumentar ao longo do prazo de concurso. O concurso de 2012, por exemplo, foram oferecidas 1.875 vagas e feitas 5.020 convocações, ou seja, 133% além da oferta inicial de vagas, sendo que 90% das convocações foram para o cargo de técnico. Em 2008 a história foi semelhante: eram previstas 1.500 vagas e foram chamados 2.100 aprovados.

Salários

O cargo de técnico possui remuneração de R$4.400,87 e a do perito médico de R$10.056,80. A estrutura da última prova para técnico consistiu em uma prova objetiva de 80 questões, sendo 20 de conhecimentos gerais (português, regime jurídico único, direito constitucional, direito administrativo, raciocínio lógico e informática) e 60 de conhecimentos específicos.

Cuso para o Concurso do INSS

Formas de Pagamento

85% de aprovação em concursos
SSL