Friday, 09 de December de 2016 às 07h23

Concurso PRF 2016: Aumento de salário é aprovado pelo Senado

Concurso PF e PRF 2016 Senado aprova aumento de salário da categoria e documento vai para sanção presidencial, confira!

 

[ATUALIZADA 09/12] No último dia 30 de novembro, o Senado Federal aprovou o Projeto de Lei 78/16 que reajusta salário dos policiais federais e rodoviários federais. Agora o documento segue para sanção presidencial, que deve acontecer nos próximos dias, porque faz parte do acordo selado com os servidores e que o atual governo prometeu respeitar. O texto aprovado manteve os valores estabelecidos com o acordo.

Os valores iniciais da PRF que são de R$7.177,91 passam a ser R$9.501,98 a partir de janeiro do ano que vem, chegando a R$9.931,57 em 2018 e R$10.357,88 em 2019. E da PF, as remunerações iniciais para delegado e perito que são de R$17.288,85, sobe para R$22.102,37 em janeiro, R$23.130,48 em 2018 e R$24.150,74 em 2019. Todos os valores mencionados já estão inclusos o auxílio-alimentação de R$458,00.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 28/11] No último dia 17 de novembro, no encontro entre o diretor parlamentar da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF), Renato Dias, e ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, afirmou necessidade da realização Concurso PRF 2016, mas apontou as dificuldades devido a contenção de gastos do governo. O sindicalista acredita que em 2017, após a aprovação da PEC do Teto dos Gastos, será possível conseguir posição definitiva sobre a realização do concurso.

Renato Dias informou que no próximo ano, cerca de mil policiais podem se aprosentar, agravando o déficit de pessoal que hoje está em torno de 2.500 servidores. Ele destacou ainda que a contratação de novos policiais rodoviários federais é prioridade na federação e o ideal seria o preenchimento de todas as vagas desocupadas no quadro de servidores, que deve ter no máximo 13.098 policiais. Mas afirma que a autorização de pelo menos 1.500 vagas para o ano que vem, seria um avanço.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 18/11] De acordo com Portaria nº 2734/2016 publicada no dia 16 de agosto pela Coordenadoria-Geral de Recursos Humanos da Polícia Federal (CGRH) novo Concurso PRF 2016 está sendo organizado por um Grupo de Trabalho para elaborar edital que deve ser publicado no segundo semestre deste ano. O prazo final para o grupo apresentar a proposta é até dia 30 de novembro e que pode ser prorrogado por mais 30 dias.

A remuneração inicial da carreira que era de R$7 mil passou a ser R$9.043,98 após a aprovação de um projeto de lei na Câmara que reajusta os salários, além dos novos servidores contarem com benefícios de auxílio-alimentação no valor de R$458,00.

CONFIRA PORTARIA CONCURSO PRF 2017

Mesmo com a prorrogação do prazo de validade do último concurso realizado em 2013, a PRF nomeou aprovados até maio de 2016, mas a defasagem do órgão atinge mais de 3 mil profissionais. Segundo dados do governo o quadro atual é de 10.200 policiais, sendo que deveria ter 13.100 profissionais. Segundo a assessoria do órgão a situação pode ser agravada porque mais de 3 mil policiais podem solicitar aposentadoria entre 2016 e 2017, reduzindo mais de 35% do efetivo total.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]



[ATUALIZADA 07/11] O grupo criado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) para elaboração de novo edital Concurso PRF 2016 segue para ser finalizado dentro do prazo inicial que vai até o final do mês de novembro, caso necessário, o prazo pode ser prorrogado até dezembro. O objetivo é agilizar a autorização do concurso, para que o órgão possa apresentar nova solicitação no início do ano que vem ao Ministério do Planejamento. Este ano a proposta de abertura para 1.500 vagas foi negada pelo MPOG devido à suspensão dos concursos no Executivo federal.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]



[ATUALIZADA 31/10] Na última segunda-feira, 24 de outubro, foi aprovado pela comissão especial da Câmara dos Deputados o Projeto de Lei que reajusta os salários iniciais dos policiais federais e rodoviários federais. O projeto seguirá para o senado, para que a proposta seja votada em Plenário.

A PL prevê remuneração inicial, a partir de janeiro de 2017, de R$22.102,37 para delegado e perito da Polícia Federal, R$11.897,86 para agente, escrivão e papiloscopista, e R$9.501,98 para policial rodoviário federal, já incluso auxílio-alimentação de R$458,00 em todos os salários informados. Além de todos os cargos receberem outras duas parcelas previstas para 2018 e 2019.

Sendo aprovado pelo Senado, tornam mais atrativos os Concurso da PF e PRF que esperam liberação do Ministério do planejamento para selecionar 558 vagas de delegado e perito para a Polícia Federal e 1.500 vagas na carreira de policial para Polícia Rodoviária Federal.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]



[ATUALIZADA 30/09] Segundo presidente da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF), Pedro Cavalcanti, a diretora geral do órgão, Maria Alice Nascimento, afirmou que a corporação está realizando estudo do efetivo para autorizar Concurso PRF 2016. A PRF possui critérios para distribuir efetivo nas demandas estaduais e o órgão está dando andamento para obter número real de servidores para atender as demandas atuais.

No final de agosto, a PRF formou uma comissão interna para elaborar até final do ano uma proposta de edital, a fim de agilizar processo de autorização. O órgão também pediu para contratar uma empresa para aplicar curso sobre técnicas de segurança e eficiência no planejamento, realização e controle de concursos públicos, para preparar nova seleção.

Ainda não há previsão para relização Concurso PRF 2016, mas o órgão encaminha por meio do  Ministério da Justiça, pedido de abertura do certame para o Ministério do Planejamento.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 22/09] Nesta quinta-feira, 22 de setembro, o Departamento de Polícia Rodoviário Federal (DPRF) contratou empresa para fornecer curso para concurso público. Demonstrando que o órgão segue com elaboração de novo edital Concurso PRF 2016. Com comissão interna formada, para elaboração do novo edital, a entrega de minuta deve ser feita até dia 20 de novembro, podendo ser prorrogado até dia 20 de dezembro de acordo com Portaria nº 2734/2016.

CONFIRA PORTARIA CONCURSO PRF 2016

O órgão apresanta defasagem no pessoal e já necessita reforço no controle das fronteiras. Segundo o relator da auditoria, o ministro Augusto Nardes os prejuízos decorrentes dos crimes da região são estimados em cerca de R$100 bilhões por ano e o governo restringiu os concursos para economizar R$1 bilhão por ano.

A PRF possui mais de 10 mil policiais em atividade em todo o país para fazer patrulhamento em 75 mil quilômetros de rodovia, sendo que muitos destes policiais atuam em áreas administrativas. Até final de 2017 está previsto 3.500 aposentadorias de policiais efetivos.

O novo concurso deve contar novamente com a banca organizadora Cebraspe para realização do certame com prova objetivas, discursivas, exames médicos, TAF e outros. Pois desde 2002 o Cebraspe que organiza Concurso PRF, com exceção do penúltimo, realizado em 2009 que foi coordenado pela FunRio.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 08/09] Mesmo com devolucação do pedido de autorização Concurso PRF 2016 em junho, o coordenador geral de recursos humanos da corporação, Antonio Paim de Abreu Junior, nomeia comissão formada por cinco servidores, que ficarão responsáveis pela elaboração do edital do novo concurso. O prazo para elaboração do documento é até dia 30 de novembro. Além disso, a portaria de número 2734/2016 também valoriza a categoria com melhores remunerações.

Como não tem previsão para acontecer efetivamente Concurso PRF 2016, a corporação já conta com um grupo destinado para elaborar edital até dezembro deste ano. A comissão é presidida pelo servidor Luciano Edgar Machado e conta com os integrantes: Rosemberg Alves de Medeiros, Luciano Nogueira de Alveira Vieira, Ricardo Teixeira e Cidenor Guerra de Oliveira.

Para concorrer ao cargo de policial rodoviádio é preciso ter nível superior em qualquer área e carteira de habilitação a partir da categoria "B". A jornada de trabalho é de 40 horas semanais e com proposta de reajuste anual até 2019, as remunerações podem chegar a mais de R$10 mil.


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

 

[ATUALIZADA 15/07] Pelo terceiro ano seguido, o governo federal negou pedido de Concurso PRF. Neste ano, 1.500 vagas foram solicitadas, já que o órgão poderá perder 4 mil agentes no efetivo, até o final de 2017. No mês passado, o coordenador-geral de Recursos Humanos da PRF, Antônio Paim, afirmou que as aposentadorias deve passar de mil até o final do ano que vem, sendo 600 apenas neste ano.

Mas para o predisente da FenaPRF, Pedro Cavalcanti, as saídas previstas vão se efetivar por causa do receio de mudança nas regras da aposentadoria e a precarização do trabalho por conta do baixo efetivo. De acordo com o Ex-subsecretário Nacional de Segurança Pública e membro do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o cientista político Guaracy Mingardi, o órgão é o maior responsável por apreender drogas no país e o não patrulhamento nas estradas também permite a entrada de armamento pesado.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 29/06] Foi publicado hoje no Diário Oficial da União a Portaria N° 242 que prorroga o período de vigência Concurso PRF para Agente Administrativo, de nível médio, até julho de 2018. O último certame foi realizado pela Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB), sendo autorizado em Dezembro de 2013 e edital lançado em Abril de 2014.
 
A prorrogação se deu por causa da existência de Cadastro Reserva e o processo em andamento no Ministério do Planejamento solicita autorização para nomear mais 44 aprovados deste concurso. A validade se prorroga por dois anos, a partir do dia 4 de julho de 2016.

CONFIRA PRORROGAÇÃO AGENTE ADMINISTRATIVO PRF

O certame registrou 259.136 inscritos, para lotação em todo país. As 216 vagas ofertadas foram distribuídas assim: 7 em Goiás, 9 em Mato Grosso, 15 para Mato Grosso do Sul, 17 para Minas Gerais, 1 para o Rio de Janeiro, 10 em São Paulo, 18 no Paraná, 19 em Santa Catarina, 25 no Rio Grande do Sul, 18 na Bahia, 12 para Pernambuco, 3 no Espírito Santo, 3 em Alagoas, 4 na Paraíba, 3 no Rio Grande do Norte, 3 no Ceará, 10 para o Piauí, 5 no Maranhão, 6 no Pará, 4 em Sergipe, 3 em Rondônia/Acre, 8 no Distrito Federal, 4 no Tocantíns, 3 no Amazonas, 3 no Amapá e 3 em Roraima. 

As provas aplicadas eram de 60 questões sobre conhecimentos básicos e específicos. O candidato deveria pontuar, no mínimo, 30% da Prova Objetiva para não ser eliminado.

A carreira de Agente Administrativo exige nível médio completo e tem atribuições que envolvem atividades administrativas de nível intermediário. Mas este cargo, segundo a página da PRF, não possui plano de carreira. O salário varia de R$3.812,77 a R$4.255,17, dependendo da avaliação de desempenho do servidor durante sua jornada de 40 horas semanais.


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 03/06] Na última segunda-feira, 30 de maio, o pedido para o novo concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF) teve conclusão em dois setores no Ministério do Planejamento: Coordenação Geral de Carreiras, Concursos e Desenvolvimento de Pessoas (SEGRT) e Coordenação Administrativa de Suporte Técnico (Coast).

A solicitação é para o preenchimento dde 1.500 vagas, pois há um déficit no quadro de policial rodoviário. Com isso, a expectativa é que ainda nesta semana seja enviado para ser analizado por outros setores do órgão, o que ressalta o interesse em agilizar o pedido de autorização do certame.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]



[ATUALIZADA 31/05] A solicitação para o concurso da  Polícia Rodoviária Federal (PRF) para preencher 1.500 vagas está atualmente na coordenação geral de carreiras, concursos e desenvolvimento de pessoas da Secretaria de Gestão de Pessoas e Relações de Trabalho (SEGRT) do ministério. E a instituição anunciou que no decorrer do exercício profissional, os servidores contam com melhorias salariais.

A remuneração inicial é de R$6.719,91 para jornadas de trabalho de 40 horas semanais.

Após esse padrão inicial, a carreira de terceira classe apresenta mais duas faixas de salário,que são, de R$6.787,11 e R$6.854,98.

A segunda classe já possui seis padrões: 1° = R$8.198,29; 2° = R$8.280,27; 3° = R$8.363,08; 4° = R$8.446,71; 5° = R$8.531,17; e 6° = R$8.616,49.

A primeira classe também possui mais seis padrões: 1° = R$9.362,89; 2° = R$9.643,78; 3° = R$9.933,09; 4° = R$10.231,08; 5° = R$10.538,02; e 6° = R$10.854,16.

Já na classe especial existe três padrões: 1° = R$11.505,41; 2° = R$11.850,57; e 3° = R$12.206,09.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 24/05] Na última quarta-feira, 18 de maio, foi registrado o andamento do pedido no Ministério do Planejamento de 1.500 vagas no concurso da Polícia Rodoviária Federal (PFR) para cargo de policial em nível superior. Com a solicitação na coordenação da Secretaria de Gestão de Pessoas e Relações do Trabalho no Serviço Público (SEGRT), a expectativa é que a seleção seja autorizada, mesmo com a crise econômica e políticial atual.

Nos últimos anos já ocorreram fechamento de postos em diversas partes do país por falta de policiais. A solicitação do concurso foi feita em 2014 para 151 delegacias, sendo que 32 delas, na época, já tinham menos policiais em escala do que o mínimo exigido para a segurança deles. Essa insuficiência já foi para o Tribunal de Contas da União (TCU) no caso das fronteiras.

A PRF concluiu neste mês a formação de excedentes do concurso de 2013, assim, o departamento tem autorização para nomear mais 579 candidatos aprovados.

Para concorrer ao cargo de policial rodoviário federal tem que possuir nível superior em qualquer área e carteira de habilitação na categoria "B" ou superior. Conforme a ser combinado pelo novo governo, o salário inicial será de aproximadamente R$7.900,00, já com auxílio-alimentação, a partir de janeiro do ano que vem. As contratações são de regime estatutário.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 04/05] A Polícia Federal (PF) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) possuem pedido de concurso com abertura do total de 2.058 vagas de nível superior e já estão sendo analisadas no Ministério do Planejamento. Os salários inciais variam de R$7.177,91 a R$17.288,85, conforme o cargo. 

A PRF solicitou 1.500 vagas. A Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF) se reuniu com o ministro da Justiça, Eugênio Aragão, no último dia 20, para agilizar a autorização do concurso. A PRF corre o risco de perder 40% do seu efetivo atual, o que equivale cerca de 4 mil policiais, nos próximos dois anos devido a aposentadorias.


[ATUALIZADA 07/04] Pedro Cavalcanti, presidente da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (Fenaprf), deverá se reunir hoje, 07 de abril, pela primeira vez, com o novo Ministro da Justiça, Eugênio Aragão. O encontro ainda será confirmado no decorrer do dia, caso ocorra, a federação saberá o que o novo ministro pensa sobre temas relacionados à segurança pública e o papel da PRF nesse contexto. De acordo com Cavalcanti “Se houver espaço trataremos das reinvindicações da categoria”.

Entre os pedidos dos policiais rodoviários federais está a contratação de novos servidores, pois há uma grande carência de pessoal, cerca de 40% do efetivo atual.

A solicitação de autorização de concurso já foi reenviada pela PRF ao Ministério do Planejamento. A expectativa é que sejam autorizadas 1.500 vagas e que o certame seja realizado ainda esse ano. Se autorizado, o edital deve ser publicado no prazo máximo de seis meses. O órgão ainda dará posse a 579 aprovados no último concurso, de 2013, conforme autorização de nomeações extras obtida no fim do ano passado.

A falta de policiais tem causado o fechamento de postos da PRF em todo o país, comprometendo a segurança pública e até mesmo dos policiais que atuam nas unidades ainda abertas. A auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU) revelou que o efetivo é insuficiente nas fronteiras para combater os crimes da região, causando prejuízo de R$10 bilhões por ano nos cofres públicos.

[ATUALIZADA 15/01] A Polícia Rodoviária Federal – PRF informou que já enviou um novo pedido para autorização de concurso que visa preencher 1500 vagas para o cargo de Policial Rodoviário Federal.

Apesar da suspensão feita pelo Ministério do Planejamento, o mesmo não descarta possibilidades de liberação para abertura de concurso para esse ano de 2016. As liberações poderão ocorrer em casos de emergência ou grande necessidade, caso da PRF, que, em dois anos, poderá perder 4 mil policiais, o equivalente a cerca de 40% do efetivo atual.

[FIM DA ATUALIZÇÃO]

A solicitação para um novo concurso da Polícia Rodoviária Federal tramita no Ministério do Planejamento. O pedido é que sejam liberadas 1.500 vagas para cargo de nível superior com salário de até R$7.000,00

Mesmo com a suspensão de novos concursos em 2016, o Ministério do Planejamento não descarta fazer ajustes pontuais e autorizar algumas seleções no próximo ano. "Se houver, no futuro, uma situação de grande necessidade ou emergência, o governo federal considerará novas autorizações para realização de concursos públicos", o MPOG.

O Diretor da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FENAPRF), afirmou que pode haver um colapso no serviço devido a falta de pessoal, assim, a chances de um novo concurso para 2016 aumenta. Além também, que a PRF tem um grande número de servidores que podem se aposentar, abrindo mais espaço para o concurso ser autorizado.

Com a prorrogação do prazo de validade do último concurso realizado em 2013, a PRF só poderá nomear aprovados em um novo concurso depois de maio de 2016. Além de pedir o novo concurso, a PRF quer também mais nomeações de aprovados no concurso realizado que ainda está em vigência.

A remuneração é de R$6.719,91 mais auxílio alimentação de R$458,00 por jornada de trabalho de 40 horas semanais. Para concorrer a vaga, o candidato deve ter formação superior completa (em qualquer área) e carteira de habilitação, no mínimo em categoria “B”

Cursos relacionados

Curso de Administrativo da Polícia Rodoviária Federal - Concurso PRF

Curso para Administrativo da PRF 2016

de R$ 600.00 por R$ 299.00

ou 10x de R$ 29.90

5
Concurso PRF 2015 - Agente

Curso para o Concurso PRF 2016 - Agente

de R$ 600.00 por R$ 399.00

ou 10x de R$ 39.90

5
Aulão PRF - Nível Médio

Aulão PRF - Nível Médio

de R$ 100.00 por R$ 69.99

ou 6x de R$ 11.66

5

Formas de Pagamento

85% de aprovação em concursos
SSL