Concurso TJ PE 2017: Edital sairá nas próximas semanas

Elo logo mini

Concurso TJ PE 2017 lançará edital nas próximas semanas para ofertar vagas nos cargos de técnico e analista, confira mais detalhes!

   


[ATUALIZADA 22/03] Representantes da banca organizadora IBFC se reuniram na semana passada com os membros da Diretoria Geral e da Secretaria de Gestão de Pessoas do Tribunal de Justiça do Estado do Pernambuco (TJ PE) para elaborar calendário preliminar Concurso TJ PE 2017 que prevê divulgação do edital até maio, para ofertar 60 vagas imediatas nas carreiras de técnico e analista.

O número de candidatos contratados pode aumentar durante a validade do certame, como é de costume do tribunal. No último certame realizado em 2011, a oferta foi de 230 vagas e mais de mil aprovados foram convocados durante a validade, que terminou em março deste ano. 

De acordo com o termo de referência, o certame deste ano terão taxas de inscrições que não devem ultrapassar R$90,00 para os cargos de nível superior e R$70,00 para os cargos de nível médio. Além disso, as provas estão previstas para serem realizadas em agosto.

A nova seleção contará com provas objetivas, prova discursiva ou estudo de caso, conforme o cargo. As provas serão aplicadas nas cidades de Araripina, Arcoverde, Carpina, Caruaru, Garanhuns, Jaboatão dos Guararapes, Limoeiro, Olinda, Palmares, Pesqueira,  Petrolina, Recife, Salgueiro, Serra Talhada e Vitória de Santo Antão.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 08/03] De acordo com o site do Tribunal de Justiça de Pernambuco, semana que vem a banca organizadora IBFC se reunirá com o órgão para discutir sobre o provimento de cargos Concurso TJ PE 2017. O edital não tem previsão para ser divulgado, mas o número de vagas e o início das inscrições devem pautar a reunião.

Os vencimentos iniciais dos servidores dos Tribunais de Justiça podem chegar a R$5.502,00, além de auxílio-alimentação de R$805,14 e auxílio transporte de R$169,40. As constratações são feitas no regime estatutário, que garante estabilidade do servidor público.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 23/01] No último dia 18 foi publicado no Diário Oficial a contratação do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) para organizar Concurso TJ PE 2017 para que em breve seja planejado e divulgado edital do certame. O último concurso foi realizado em 2011 e teve sua validade expirada em março de 2016, que foi organizado pela Fundação Carlos Chagas e ofertou 203 vagas, além de cadastro de reserva para os cargos de técnicos, analistas e oficiais.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 01/11] Na última segunda-feira, 31 de outubro, o Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco (TJ PE) desclassificou a CKM Serviços para organizar Concurso TJ PE 2016. Dentre os motivos é o não cumprimento de alguma exigência e ter apresentado preço inferior ao limite mínimo. Agora a próxima da lista é a Vunesp que tem até três dias úteis para apresentar documentação exigida na licitação.

Ainda não foi divulgado prazo para que essa etapa seja concluída, pois a análise segue em aberto, de acordo com a necessidade do órgão. Caso a Vunesp não cumpra com as exigências, o próximo organizador que conta na lista é o Instituto IBFC.


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]
 

[ATUALIZADA 29/09] No dia 26 de agosto o Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco, desclassificou o Instituto AOCP como banca organizadora e segue para definir quem ficará à frente Concurso TJ PE 2016. A partir do dia 27 de setembro, a CKM Serviços terá três dias úteis para apresentar documentação exigida pelo edital de licitação. Ainda não há uma prazo para concluir esta etapa e a análise segue em aberto. Caso a CKM também não satisfaça as exigências da licitação, a próxima classificada, Fundação Vunesp, será convocada.

A oferta inicial do certame é de 60 vagas nos cargos de técnico e analista. Todos os candidatos serão avaliados por provas objetivas, acrescida de prova discursiva ou estudo de caso conforme o cargo. As provas serão aplicadas nas cidades de Araripina, Arcoverde, Carpina, Caruaru, Garanhuns, Jaboatão dos Guararapes, Limoeiro, Olinda, Palmares, Pesqueira,  Petrolina, Recife, Salgueiro, Serra Talhada e Vitória de Santo Antão.

O termo de referência do concurso informa que os exames discursivos devem ser corrigidos até 100 vezes o quantitativo de vagas oferecidas, devido ao grande número de nomeações que ocorrem durante a validade do certame. Além de ser possível a prorrogação de mais dois anos do concurso, a critério do órgão.

No último certame realizado em 2011 foram mais de mil aprovados, que teve validade em março deste ano. O número corresponde a mais de 14x de oportunidades inicialmente abertas, de 230. As vagas foram distribuídas pelos cargos de técnico judiciário, oficial de justiça e analista judiciário, em diversas áreas e especialidades, com as lotações em 15 polos do estados. A seleção reuniu 118.809 inscritos, sendo 71.728 para técnico, 37.012 para analista e 10.069 para oficial de justiça.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]



Na última quinta-feira, 7 de julho, a Metrópole Soluções Empresariais foi definida como banca organizadora do Concurso TJ PE 2016. O novo certame terá pelo menos 60 vagas de nível médio ou superior, além da criação de cadastro reserva, para os cargos de técnico e analista judiciário. A publicação do edital de abertura ocorrerá até o final do ano.

A remuneração inicial atual para Técnico judiciário é de R$4.102,39 e para Analista é de R$5.215,28, tendo uma jornada de trabalho de 40 horas semanais. Além disso, os servidores também recebem R$504,60 de auxílio-alimentação, R$232,54 de auxílio-saúde e R$123,20 de auxílio-transporte.

Os interessados serão avaliados por meio de prova discursiva e objetiva que devem ser aplicadas nas cidades de Araripina, Arcoverde, Carpina, Caruaru, Garanhuns, Jaboatão dos Guararapes, Limoeiro, Olinda, Palmares, Pesqueira, Petrolina, Recife, Salgueiro, Serra Talhada e Vitória de Santo Antão, como consta no projeto básico do concurso. As inscrições não devem passar de R$90 para analista e R$70 para técnico.

O último Concurso Tribunal de Justiça de Pernambuco para analista e técnico judiciário foi feito em 2011, com a banca organizadora Fundação Carlos Chagas - FCC. O certame teve mais de 100 mil inscritos para concorrer a 203 vagas de nível médio ou superior. As oportunidades para analista eram divididas em especializações: judiciária, administrativa, assistência social, pedagogia, medicina, educação física, psicologia, fisioterapia e nutrição.

As provas objetivas de conhecimentos gerais e específicos foram aplicadas dia 15 de janeiro de 2012, nas cidades de Recife, Jaboatão dos Guararapes, Garanhuns, Vitória de Santo Antão, Carpina, Limoeiro, Caruaru, Arcoverde, Serra Talhada, Salgueiro, Araripina e Petrolina. A validade do concurso é de dois anos e a nomeação mais recente foi feita em março deste ano.

Formas de Pagamento

85% de aprovação em concursos
SSL