Concurso TRT RJ 2017: Escolherá banca até julho

Elo logo mini

Concurso TRT RJ 2017 escolherá banca organizadora até julho para publicar edital nas carreiras de técnico e analista


[ATUALIZADA 23/06] A comissão interna Concurso TRT RJ 2017 está em processo de elaboração da minuta do edital que ofertará vagas nos cargos de técnico e analista judiciário. A expectativa é de que o documento fique pronto até julho para que o Tribunal possa escolher e contratar a banca organizadora para liberar o edital no segundo semestre deste ano.

Para concorrer ao cargo de técnico na área adminsitrativa é preciso possuir nível médio, para as áreas de segurança e enfermagem é exigido nível técnico, além de carteira de habilitação na categoria “D” para o cargo de segurança. As remunerações iniciais variam entre R$7.260,41 a R$8.308,17.

As oportunidades para o cargo de analista são para as áreas administrativa, judiciária e oficial de justiça. A primeira exige nível superior em qualquer área e as duas últimas exigem nível superior em direito. As iniciais dos cargos são de R$11.345,90, para as duas primeiras e R$13.064,99 para oficial de justiça.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]



[ATUALIZADA 24/05] O Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região confirma a oferta de 12 vagas Concurso TRT RJ 2017 para as carreiras de técnicos e analistas em diversas áreas após o término da validade do último certame que se encerrará no dia 11 de junho. Do total de vagas confirmadas, 10 são para técnico nas áreas de segurança que exige nível médio, uma vaga para técnico especialista em enfermagem de nível médio/técnico e uma vaga para analista em área de enfermagem que exige nível superior.

De acordo com informação da diretora de Gestão de Pessoas do TRT-RJ, Sônia Andrade, o Tribunal possui 30 cargos vagos na carreira de técnico, por isso a expectativa é que durante a validade do concurso mais aprovados sejam convocados. Na seleção de 2012 foram chamados 1.068 aprovados, 734 somente para técnico, de nível médio.

A estrutura do concurso está previamente definida, segundo Sônia Andrade, a forma de avaliação seguirá a mesma forma do último concurso que contou com prova objetiva e redação, além de exame físico para o cargo de técnico em segurança. As provas objetivas contam com 60 questões de conhecimentos gerais e conhecimentos específicos.

Para o cargo de técnico as matérias específicas foram Noções de Direito Constitucional, de Direito Administrativo, de Direito do Trabalho e de Direito Processual de Trabalho. Para analista foram Direito Constitucional, Direito Administrativo, Noções de Administração Pública, Direito do Trabalho, Direito Processual do Trabalho, Direito Civil e Direito Processual Civil. A redação foi do tipo dissertativa, tendo de 20 a 30 linhas.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 28/03] De acordo com a diretora de Gestão de Pessoas do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT RJ), Sônia Regina de Freitas Andrade, o órgão já deu início ao planejamento Concurso TRT RJ 2017 para área de apoio, que abrangerá cargos de técnico e analista, de níveis médio e superior, respectivamente. Segundo ela, a comissão interna que coordenará certame será definida em abril e o edital será divulgado no segundo semestre.

A estrutura do concurso está previamente definida e será mantida forma de avaliação implementada no último concurso, realizado em 2012. De acordo com a diretora, os candidatos serão avaliados por prova objetiva e redação, no mesmo dia, exceto o técnico em segurança, que realizará provas objetivas e exame físico. 

A previsão é de que sejam ofertadas cerca de 50 vagas imediatas, além de formação de cadastro reserva nas mesmas carreiras ofertadas no último concurso do tribunal realizado em 2012, incluindo o cargo de técnico judiciário da área de segurança e técnico e analista judiciário da área de enfermagem.

O último certame ofertou 45 vagas e tem prazo de validade até dia 11 de junho de 2017 e até o momento já foram convocados 1.068 aprovados, sendo 734 para técnico na área administrativa, 221 para analista na área judiciária e 66 para oficial de justiça. A remuneração inicial dos cargos variam entre R$7, R$ 12 ou R$ 14 mil, além de R$884,00 de auxílio-alimentação e R$300,00 de auxílio saúde, podendo ainda ser acrescido auxílio-natalidade de R$ 700,00.

Todos os valores serão reajustados de acordo com a Lei 13.317, sancionada em junho deste ano pelo governo e em 2019, no topo da carreira chegarão a R$11.398 e R$ 18.701.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 16/02] O Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região que abrange o estado do Rio de Janeiro, programa abertura Concurso TRT RJ 2017 para o segundo semestre deste ano para contemplar vagas nas carreiras de técnico e analista. Os cargos ofertados são as mesmas funções do último concurso realizado pelo órgão em 2012 e tem validade até junho de 2017.

De acordo com o presidente do TRT RJ, o desembargador Fernando Antonio Zorzenon, o órgão possui déficit de 400 servidores e a tendência é aumentar nos próximos meses devido as aposentadorias. Ele ainda afirmou que está lutando para revogar recomendação do CSJT e por recursos orçamentários para viabilizar o certame.

Os candidatos de nível médio e superior terão remuneração inicial entre R$7.000 a R$14.000, de acordo com os valores atualizados a partir do segundo semestre do ano que vem, quando está previsto a convocação dos novos servidores. Os salários podem ser acrescidos de benefícios como por exemplo gratificação de atividade, auxílio-alimentação, auxílio saúde e auxílio-natalidade. No topo das carreiras chegará, em 2019, a R$11.398,00 para técnicos e R$18.701,00 para analistas.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]




[ATUALIZADA 18/11] No último dia 14 de novembro foi publicada no Diário Oficial da União Portaria nº 245 que prorroga até 8 de dezembro de 2018 Concurso TRT RJ realizado em 2014 pela Fundação Carlos Chagas (FCC). A oferta era de 77 vagas de nível médio e superior para técnico e analista judiciário em áreas de tecnologia da informação e medicina. Os salários eram de R$6.167,90 e R$10.119,93, respectivamente.

A seleção foi homologada em 4 de dezembro de 2014 e de acordo com informações da oraganizadora, Fundação Carlos Chagas (FCC), o certame teve mais de 5.700 candidatos inscritos, sendo 4.338 somente para concorrer na carreira de analista judiciário na especialidade de tecnologia da informação. Na carreira de técnico judiciário, de nível médio, foram 1.320 inscritos para a especialidade de tecnologia da informação.

Segundo informações do Tribunal, já foram convocados no total 101 servidores, sendo 95 aprovados no cargo de analista judiciário na área de tecnologia da informação, 2 para cargo de analista na área médica psiquiátrica e 4 no cargo de técnico judiciário na área de tecnologia da informação.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]



[ATUALIZADA 28/07] O projeto de lei 1.403/2015, de autoria do Tribunal Superior do Trabalho, continua em avaliação na Câmara dos Deputados que visa ofertar 218 vagas no Concurso TRT RJ 2016. Desde o começo de julho, o PL espera atualização na legislação orçamentária para ser votado na Comissão de Finanças e Tributação (CFT), para ser encaminhado para a Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) e depois no Plenário.

As oportunidades para as áreas no cargo de analista que constam no documento são: 115 judiciário, 76 administrativo, 1 medicina, 1 medicina de trabalho, 2 fisioterapia, 3 psicologia, 5 arquitetura, 2 engenharia de segurança do trabalho, 3 engenharia elétrica, 7 engenharia civil e 2 engenharia mecânica. Algumas delas aceitam formação superior em qualquer curso, já outras exigem graduação específicas. A remuneração inicial é de R$8.803,97.

O documento também justifica a necessidade da criação dos cargos para adequar a estrutura e o quadro permanente do pessoal, de acordo com as regras previstas na Resolução nº 184, de 6/12/2013, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

O último Concurso TRT RJ ocorreu em 2014 para preencher 77 vagas nas funções de técnico e analista judiciário, de nível médio e superior, tendo a Fundação Carlos Chagas como banca organizadora.


[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 15/02] Nesta segunda-feira, 15 de fevereiro, foi divulgado o edital para o Concurso do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro – TRT 1ª Região. A oferta é de 11 vagas para o cargo de Juiz do Trabalho Substituto. O candidato deve ter graduação em Direito e ter atuação mínima de três anos na área jurídica. O salário inicial é de R$27.500,15 mais benefícios. A Fundação Carlos Chagas – FCC será a responsável pela seleção.

O Juiz Substituto terá função não só quando o Juiz titular estiver ausente, mas também em conjunto com o mesmo para adquirir experiência.

CONFIRA O EDITAL

As inscrições devem ser feitas no site - http://www.concursosfcc.com.br/ - do dia 17 de fevereiro ao dia 17 de março de 2016. A taxa de participação é de R$165,00

As avaliações estão previstas para o dia 17 de abril de 2016. As provas serão por meio de prova objetiva sobre conhecimentos básicos e conhecimentos específicos, de caráter classificatório e eliminatório. Haverá também etapas de sindicância da vida pregressa e investigação social, além de exames de sanidade física e mental, prova oral e avaliação de títulos.

O concurso terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período a critério do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro – TRT 1ª Região

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]

Nesta sexta-feira, 22 de janeiro, foi divulgado no Diário Oficial da União o extrato de licitação para o contrato da Fundação Carlos Chagas – FCC para ser a organizadora do próximo Concurso do Tribunal Regional do Trabalho 1ª Região. Com a banca já definida, o edital ficará disponível neste semestre.

Os últimos concursos aconteceram em 2015 para cargo de Juiz Substituto, 2014 para Técnicos e Analistas e em 2012 também para Técnicos e Analistas. Esse concurso de 2012, foi prorrogado até 2017 e já nomeou mais de 700 aprovados.

Os salários variavam de R$8.803,97 a R$10.425,75 para nível superior de acordo com cada área de formação, e de R$5.365,92 para cargo de nível médio

Formas de Pagamento

85% de aprovação em concursos
SSL