Concurso MTE: 847 vagas para auditores, salário de 14.965,44

Elo logo mini

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), por meio da Secretaria de Gestão Pública (Segep), enviou uma nota no mês de outubro ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) com a informação de que será autorizada a realização de concurso público para o cargo de auditor-fiscal do Trabalho.

No mês de maio, o MTE solicitou ao MPOG a abertura de um concurso para 800 vagas para auditor, devido à grande porcentagem de lacunas no quadro de servidores da instituição. Entretanto, na nota informativa do MPOG consta que será liberado o provimento de 847 vagas, entretanto de maneira fracionada, ao longo dos próximos três anos.

No documento, o MPOG justifica que essa decisão ocorrerá em virtude da disponibilidade orçamentária da União e da capacidade do próprio MTE para inserir 800 novos servidores de uma vez na instituição, pois “demandaria grandes esforços de estruturação do órgão para receber esses recursos humanos, bem como de ações de ambientação e treinamento dessa força de trabalho, para torná-la apta a produzir os resultados esperados”.

O cargo de auditor-fiscal
 

O candidato que deseja concorrer à vaga de auditor-fiscal do próximo concurso MTE deverá possuir um diploma de graduação em qualquer área do conhecimento, devidamente registrado e fornecido por instituição de ensino superior com reconhecimento do Ministério da Educação (MEC).

De acordo com a tabela atual das remunerações dos servidores públicos federais, os rendimentos iniciais para a função são de R$ 14.965,44 por mês.

As funções do auditor-fiscal do Trabalho, cargo previsto no próximo concurso MTE são: cumprir das disposições legais e regulamentares, inclusive as relacionadas à segurança e à medicina do trabalho, no âmbito das relações de trabalho e de emprego; verificação dos registros em Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), objetivando à redução dos índices de trabalho informal; conferir o recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), aumentar os índices de arrecadação,  cumprimento de acordos, convenções e contratos coletivos de trabalho firmados entre empregados e empregadores.


Último concurso
 

Em 2013, o MTE realizou um concurso que previa 100 oportunidades para o cargo de auditor-fiscal. Na ocasião, o Cespe/UnB foi designado para organizar o certame e os rendimentos iniciais eram de R$ 14.280.

Todos os candidatos do último concurso MTE passaram por avaliações objetivas, exames discursivos e sindicância de vida pregressa. As provas objetivas tiveram 100 questões de conhecimentos básicos e 120 de conhecimentos específicos.

Formas de Pagamento

85% de aprovação em concursos
SSL