Concurso PRF 2017: Edital até início de 2018

Elo logo mini

Concurso PRF 2017 publicará edital em breve com oferta inicial de 2.778 vagas na carreira de policial rodoviário federal, confira!
 

Curso para PRF - Polícia Rodoviária Federal



[ATUALIZADA 05/10] A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgará edital Concurso PRF 2017 em breve, o pedido de 2.778 vagas na carreira de policial rodoviário federal foi encaminho no final do mês de julho e está sendo analisado pelo Ministério do Planejamento (MPDG). A expectativa é de que o edital seja publicado até o iníco de 2018, com formação de quatro turmas de 800 policiais cada.

De acordo com a solicitação, o departamento da corporação argumenta que quase 3 mil vagas estão em aberto. A FenaPRF divulgou que o ideal do efetivo é de 15.605 PRFs nas ruas e atualmente, o efetivo é de 10.320 policiais, bem abaixo do efetivo legal de 13.098.

O departamento sugeriu que na autorização do concurso, sempre que o número de vagas solicitadas exceder a 5% dos respectivos cargos, ou, com menor número, de acordo com a necessidade e critério do Ministério da Justiça, tornaria o processo menos burocrático.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 04/08] A Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF) informou que o pedido Concurso PRF 2017 foi encaminhado no final do mês de julho para o Ministério do Planejamento (MPDG) para ofertar 2.778 vagas na carreira de policial rodoviário federal. Para a convocação dessa quantidade de vagas será formado cadastro reserva de quatro turmas, sendo uma convocada em 2018.

Na solicitação também informa que quase três mil profissionais se aposentaram nos últimos quatro anos e de acordo com a FenaPRF, atualmente o efetivo da corporação é de 10.320 policiais, sendo que o efetivo legal é de 13.098 servidores.

[ATUALIZADA 20/07] A Polícia Rodoviária Federal (PRF) vai retomar etapas do Concurso PRF realilzado em 2009 após decisão judicial publicada no Diário Oficial da União de quarta-feira, 19 de julho. O edital foi disponibilizado pela banca organizadora Funrio, para ofertar 750 vagas na categoria. O prosseguimento das etapas serão realizadas este ano pelo Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades).

Os candidatos portadores da decisão judicial favorável devem atualizar seus dados cadastrais no site do Iades - www.iades.com.br - entre os dias 17 a 19 de julho, para serem convocados a realizarem as etapas pendentes, em uma cidade de sua escolha. As etapas são compostar por avaliação física, avaliação psicológica, avaliação de saúde, investigação social e curso de formação profissional.

O resultado final será publicado no Diário Oficial da União e no site do organizador Iades, em data oportuna.

[ATUALIZADA 01/06] O pedido Concurso PRF 2017 para ofertar 1.300 vagas na corporação foi enviado ao Ministério do Planejamento na manhã da última quarta-feira, 31 de maio. A solicitação deve ser protocolada nas próximas horas, dependendo da análise da pasta e negociações políticas por parte da administração da PRF.

A quantidade inicial de vagas a serem ofertadas é adequada pela capacidade de formação da Academia Nacional da PRF que consegue comportar 600 alunos por semestre. Em função da grande necessidade de servidores na corporação, uma consulta foi feita na academia para ampliar o número e incluir mais 50 alunos por semestre.

Mesmo com o incremento da solicitação do concurso, não contempla os cargos vagos da PRF. O pedido de 1.300 vagas permaneceu abaixo do que foi pleitado nos últimos pedidos de concurso que visavam ofertar 1.500 oportunidades para ingresso na corporação.

A comissão interna que coordena Concurso PRF 2017 finalizou projeto básico do edital e espera liberação do Ministério do Planejamento para contratar a banca organizadora e lançar edital em até três meses. O número de vagas a serem ofertadas não foram definidas, mas o pedido feito é de pelo menos 1.200 vagas.

De acordo com o diretor da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FENAPRF) a defasagem dos servidores na corporação é de mais de 3 mil profissionais. Segundo a assessoria de imprensa do órgão esses policiais podem solicitar aposentadoria neste ano o que reduziria 35% do efetivo total.

- O que faz um Agente Policial na PRF?


A descrição dada no último edital do concurso informa que o Agente Policial Rodoviário Federal deverá: realizar atividades de natureza policial envolvendo fiscalização, patrulhamento e policiamento ostensivo, atendimento e socorro às vítimas de acidentes rodoviários e
demais atribuições relacionadas com a área operacional do Departamento de Polícia Rodoviária Federal. 

- Requisitos para o cargo de Agente Policial da PRF


Segundo o último edital de 2013, os requisitos são: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em
qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) e Carteira Nacional de Habilitação (CNH) no mínimo na categoria "B".

- Salário do Polícial Rodoviário Federal


A remuneração da categoria aumentou após a aprovação do projeto de lei 5865/2016, que reestrutura os vencimentos. No início da carreira os servidores ganhavam R$7 mil e passou a ser R$9.043,98 em janeiro deste ano. Além disso, os novos servidores contam com auxílio-alimentação no valor de R$458,00 em uma jornada de trabalho de 40h semanais.

- Etapas do Concurso


Prova/Tipo
Área do Conhecimento
Número de itens
Caráter
Objetiva
Conhecimentos Básicos
50
Eliminatório e Classificatório
Objetiva
Conhecimentos Específicos
70
Discursiva
Conhecimentos constantes dos objetos de avaliação de que trata o item 22 do edital.
Texto dissertativo com no máximo 30 linhas
Exame Físico
-
-
Eliminatório
Avaliação de Saúde
-
-
Eliminatório
Avaliação Psicológica
-
-
Eliminatório
Investigação Social
-
-
Eliminatório
Avaliação de Títulos
-
-
Classificatório

- Matérias do último concurso da PRF


Conhecimentos Básicos (50 Questões) Conhecimentos Específicos (70 Questões)
Língua Portuguesa Noções de Direito Administrativo
Matemática Noções  de Direito Penal 
Noções de Direito Constitucional Noções de Processual Penal
Ética no Serviço Público Legislação Especial
Noções de Informática Direitos Humanos 
- Legislação DPRF
- Física Aplicada

Informações sobre o Último Concurso da PRF em 2013


O último concurso da Polícia Rodoviária Federal foi realizado em 2013 e a corporação nomeou aprovados até maio de 2016.
- Edital do Concurso da Polícia Rodoviária Federal de 2013
- Gabarito e Prova da Polícia Rodoviária Federal de 2013

Últimas notícias sobre o concurso


[ATUALIZADA 13/03/17] Com a posse do novo ministro da justiça, Osmar Serraglio, a expectatica é de que Concurso da Polícia Rodoviária Federal em 2017 seja autorizado. A solicitação dependia da definição do novo ministro para ser reencaminhado pedido ao Ministério do Planejamento, até o dia 31 de maio. O pedido é de 1.300 vagas para carreira policial, número inferior da solicitação anterior, encaminhado em 2016, que visava oferecer 1.500 vagas.

A PRF já possui minuta de edital pronta desde o final de 2016 para permitir que concuso seja iniciado de imediato após a autorização do MPOG. Para concorrer aos cargo da Polícia Rodoviária Federal é preciso ter nível superior em qualquer área, além de Carteira de Hailitação Nacional (CNH) na categoria "B".

[ATUALIZADA 25/01] A comissão formada pelo Departamento de Polícia Rodoviário Federal (DPRF) para elaborar o novo edital de 2017 finalizou o documento que foi encaminhado ao Ministério da Justiça, que vai reenviar ao Ministério do Planejamento (MPDG). Com a revisão da oferta pretendida, foi solicitado 1.300 vagas para ingresso no curso de formação da Academia Nacional da PRF.

A capacidade do curso é de 600 alunos por semestre, mas em função da grande necessidade do pessoal, uma consulta foi feita na academia para verificar a possibilidade de ampliação e o parecer obetido foi a inclusão de 50 alunos a mais por semestre, o que permitiu o incremento da solicitação do concurso.

[ATUALIZADA 24/01] De acordo com o Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado do Rio de Janeiro, há viabilização do Concurso  regional com 1.000 vagas para atuarem no Rio de Janeiro e em São Paulo. A informação foi anunciada no último domingo, 22 de janeiro, e segundo a Diretoria do SINPRF/RJ houve consenso sobre a medida com a administração da PRF.

Em fevereiro o SINPRF/RJ tem reunião marcada com o Ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, para tratar sobre a liberação do certame. A ação será realizada para tornar permanente a fiscalização e o policiamento, nas divisas e nas Metrópoles, nos dois mariores estados consumidores de ilícitos transfronteiriços.

[ATUALIZADA 09/12/16] No último dia 30 de novembro, o Senado Federal aprovou o Projeto de Lei 78/16 que reajusta salário dos policiais federais e rodoviários federais. Agora o documento segue para sanção presidencial, que deve acontecer nos próximos dias, porque faz parte do acordo selado com os servidores e que o atual governo prometeu respeitar. O texto aprovado manteve os valores estabelecidos com o acordo.

Os valores iniciais da PRF que são de R$7.177,91 passam a ser R$9.501,98 a partir de janeiro do ano que vem, chegando a R$9.931,57 em 2018 e R$10.357,88 em 2019. E da PF, as remunerações iniciais para delegado e perito que são de R$17.288,85, sobe para R$22.102,37 em janeiro, R$23.130,48 em 2018 e R$24.150,74 em 2019. Todos os valores mencionados já estão inclusos o auxílio-alimentação de R$458,00.

[ATUALIZADA 28/11/16] No último dia 17 de novembro, no encontro entre o diretor parlamentar da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF), Renato Dias, e ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, afirmou necessidade da realização de uma nova seleção em 2017, mas apontou as dificuldades devido a contenção de gastos do governo. O sindicalista acredita que em 2017, após a aprovação da PEC do Teto dos Gastos, será possível conseguir posição definitiva sobre a realização do concurso.

Renato Dias informou que no próximo ano, cerca de mil policiais podem se aprosentar, agravando o déficit de pessoal que hoje está em torno de 2.500 servidores. Ele destacou ainda que a contratação de novos policiais rodoviários federais é prioridade na federação e o ideal seria o preenchimento de todas as vagas desocupadas no quadro de servidores, que deve ter no máximo 13.098 policiais. Mas afirma que a autorização de pelo menos 1.500 vagas para o ano que vem, seria um avanço.

[ATUALIZADA 18/11/16] De acordo com Portaria nº 2734/2016 publicada no dia 16 de agosto pela Coordenadoria-Geral de Recursos Humanos da Polícia Federal (CGRH) novo Concurso da PRF em 2016 está sendo organizado por um Grupo de Trabalho para elaborar o edital. O prazo final para o grupo apresentar a proposta é até dia 30 de novembro e que pode ser prorrogado por mais 30 dias.

A remuneração inicial da carreira que era de R$7 mil passou a ser R$9.043,98 após a aprovação de um projeto de lei na Câmara que reajusta os salários, além dos novos servidores contarem com benefícios de auxílio-alimentação no valor de R$458,00.

CONFIRA PORTARIA DO CONCURSO PARA 2017

Mesmo com a prorrogação do prazo de validade do último concurso realizado em 2013, a PRF nomeou aprovados até maio de 2016, mas a defasagem do órgão atinge mais de 3 mil profissionais. Segundo dados do governo o quadro atual é de 10.200 policiais, sendo que deveria ter 13.100 profissionais. Segundo a assessoria do órgão a situação pode ser agravada porque mais de 3 mil policiais podem solicitar aposentadoria entre 2016 e 2017, reduzindo mais de 35% do efetivo total.

[ATUALIZADA 07/11/16] O grupo criado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) para elaboração de novo edital segue para ser finalizado dentro do prazo inicial que vai até o final do mês de novembro, caso necessário, o prazo pode ser prorrogado até dezembro. O objetivo é agilizar a autorização do concurso, para que o órgão possa apresentar nova solicitação no início do ano que vem ao Ministério do Planejamento. Este ano a proposta de abertura para 1.500 vagas foi negada pelo MPOG devido à suspensão dos concursos no Executivo federal.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]


[ATUALIZADA 31/10/16] Na última segunda-feira, 24 de outubro, foi aprovado pela comissão especial da Câmara dos Deputados o Projeto de Lei que reajusta os salários iniciais dos policiais federais e rodoviários federais. O projeto seguirá para o senado, para que a proposta seja votada em Plenário.

A PL prevê remuneração inicial, a partir de janeiro de 2017, de R$22.102,37 para delegado e perito da Polícia Federal, R$11.897,86 para agente, escrivão e papiloscopista, e R$9.501,98 para policial rodoviário federal, já incluso auxílio-alimentação de R$458,00 em todos os salários informados. Além de todos os cargos receberem outras duas parcelas previstas para 2018 e 2019.

Sendo aprovado pelo Senado, tornam mais atrativos os Concurso da PF e PRF que esperam liberação do Ministério do planejamento para selecionar 558 vagas de delegado e perito para a Polícia Federal e 1.500 vagas na carreira de policial para Polícia Rodoviária Federal.

[FIM DA ATUALIZAÇÃO]
 

[ATUALIZADA 29/06/16] Foi publicado hoje no Diário Oficial da União a Portaria N° 242 que prorroga o período de vigência para Agente Administrativo, de nível médio, até julho de 2018. O último certame foi realizado pela Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (FUNCAB), sendo autorizado em Dezembro de 2013 e edital lançado em Abril de 2014.
 
A prorrogação se deu por causa da existência de Cadastro Reserva e o processo em andamento no Ministério do Planejamento solicita autorização para nomear mais 44 aprovados deste concurso. A validade se prorroga por dois anos, a partir do dia 4 de julho de 2016.

CONFIRA PRORROGAÇÃO AGENTE ADMINISTRATIVO PRF

O certame registrou 259.136 inscritos, para lotação em todo país. As 216 vagas ofertadas foram distribuídas assim: 7 em Goiás, 9 em Mato Grosso, 15 para Mato Grosso do Sul, 17 para Minas Gerais, 1 para o Rio de Janeiro, 10 em São Paulo, 18 no Paraná, 19 em Santa Catarina, 25 no Rio Grande do Sul, 18 na Bahia, 12 para Pernambuco, 3 no Espírito Santo, 3 em Alagoas, 4 na Paraíba, 3 no Rio Grande do Norte, 3 no Ceará, 10 para o Piauí, 5 no Maranhão, 6 no Pará, 4 em Sergipe, 3 em Rondônia/Acre, 8 no Distrito Federal, 4 no Tocantíns, 3 no Amazonas, 3 no Amapá e 3 em Roraima. 

As provas aplicadas eram de 60 questões sobre conhecimentos básicos e específicos. O candidato deveria pontuar, no mínimo, 30% da Prova Objetiva para não ser eliminado.

A carreira de Agente Administrativo exige nível médio completo e tem atribuições que envolvem atividades administrativas de nível intermediário. Mas este cargo, segundo a página da PRF, não possui plano de carreira. O salário varia de R$3.812,77 a R$4.255,17, dependendo da avaliação de desempenho do servidor durante sua jornada de 40 horas semanais.

Formas de Pagamento

85% de aprovação em concursos
SSL